Announcement

Collapse
No announcement yet.

Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

Collapse
X
  • Filter
  • Hora
  • Mostrar
Limpar tudo
new posts

  • Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

    81. A empresa CHEIRO BOM fabrica sabonete líquido de uma única fragrância (erva doce) que é comercializado em embalagem de 300 ml pelo preço líquido de vendas de R$ 13,00. No mês de janeiro, produziu integralmente 20.000 unidades e vendeu 15.000 unidades de seu produto, cujos custos e despesas unitários foram os seguintes:

    Custos Diretos Variáveis R$ 4,00
    Custos Indiretos Fixos R$ 3,00
    Despesas Variáveis R$ 2,00
    Despesas Fixas R$ 1,00
    TOTAL R$ 10,00

    No mês de fevereiro, produziu integralmente 20.000 unidades e vendeu 18.000 unidades de sabonete líquido. Todavia, o preço da matéria-prima aumentou e os custos variáveis
    diretos passaram a ser R$ 5,00. Considerando que:

    - não havia estoques iniciais no mês de janeiro;
    - a empresa adota o custeio por absorção para fins fiscais e o custeio variável para fins gerenciais;
    - utiliza a média ponderada móvel como critério de avaliação de estoques,

    é correto afirmar que:

    (A) o lucro bruto apurado assim como a margem de contribuição foram R$ 108.000,00 no mês de fevereiro.

    (B) a diferença no valor do estoque final do mês de janeiro pelo custeio variável e por absorção foi de R$ 5.000,00.

    (C) o lucro bruto apurado foi de R$ 120.000,00 e a margem de contribuição unitária foi de R$ 7,00, ambos referentes ao mês de janeiro.

    (D) a margem de contribuição total apurada no mês de janeiro foi igual àquela apurada no mês de fevereiro.

    (E) a diferença no resultado operacional pelo método de custeio variável e por absorção, no mês de fevereiro, foi de R$ 6.000,00.

    Bom pessoal, consegui eliminar as alternativas A, C e D, mas fiquei na d'uvida entre a B e a E (que é o gabarito).

    Alguém sabe como resolver essa questão?

    Obrigado!!

  • Paulo Guimarães
    replied
    Re: Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

    Originally posted by MIRibeiro View Post
    Acho que há um erro no cômputo das despesas fixas, veja:

    se o valor das despesas fixas unitárias é de 1,00 e eu vendo 15.000 unidades, o valor correspondente a esta despas seria 15.000(15.000x1) e não 20.000 como vemos abaixo. Alguém poderia comentar?



    Janeiro

    Absorcao

    CPA = 20.000 UN x R$ 7,00 = 140.000
    CPV = 15.000 UN x R$ 7,00 = 105.000
    EF = 5.000 UN x R$ 7,00 = 35.000

    Variável

    CPA = 20.000 UN x R$ 4,00 = 80.000
    CPV = 15.000 UN x R$ 4,00 = 60.000
    EF = 5.000 UN x R$ 4,00 = 20.000

    D.R.E. de Janeiro

    VL (15.000 UN x R$ 13,00) ................. 195.000 ............. 195.000
    (-) CPV .......................................... (105.000) ............ (60.000)
    (-) Despesas variáveis ...................... -0- ............ (30.000)
    Lucro Bruto/Margem Contribuição ........ 90.000 ............ 105.000
    (-) Despesas fixas ............................ (20.000) ............ (20.000)
    (-) Despesas variáveis ....................... (30.000) ............ -0-
    (-) Custos Fixos ............................... -0- ........... (20.000)
    Resultado Operacional ....................... 50.000 ............ 65.000

    Até aqui ja deu pra eliminar as alternativas B e C

    Fevereiro

    * Custos diretos variaveis subiram pra R$ 5.00 UN
    * Estoque avaliado pela média movel ponderada

    Absorçao

    CPA = 20.000 UN x R$ 8,00 = 160.000
    Estoque do periodo
    Estoque de janeiro .... 35.000
    (+) CPA ..................160.000
    Estoque ..................195.000
    Custo UN. (195.000/25.000 UN) ......R$ 7,8

    CPV = 18.000 UN x R$ 7,8 = 140.400
    EF = 7.000 UN x R$ 7,8 = 54.600

    Variável

    CPA = 20.000 UN x R$ 5,00 = 100.000
    Estoque do periodo
    Estoque de janeiro ............... 20.000
    (+) CPA ............................. 100.000
    Estoque ............................. 120.000
    Custo UN (120.000/25.000un) . R$ 4,80

    CPV = 18.000 UN x R$ 4,80 = 86.400
    EF = 7.000 UN x R$ 4,80 = 33.600

    D.R.E de Fevereiro


    CPV = 15.000 UN x R$ 7,00 = 105.000
    EF = 5.000 UN x R$ 7,00 = 35.000

    VL (18.000 UN x R$ 13,00) ................. 234.000 ............. 234.000
    (-) CPV .......................................... (140.400) ............ (86.400)
    (-) Despesas variáveis ...................... -0- ............ (36.000)
    Lucro Bruto/Margem Contribuição ........ 93.600 ............ 111.600
    (-) Despesas fixas ............................ (20.000) ............ (20.000)
    (-) Despesas variáveis ....................... (36.000) ............ -0-
    (-) Custos Fixos ............................... -0- ........... (60.000)
    Resultado Operacional ....................... 37.600 ............ 31.600

    Na prova eu so fui até o LB/MC, aqui já deu pra eliminar as alternativas A e D.


    Gabarito: E

    Não sei se da pra resolver de forma mais rápida.


    Abs.

    Vanderlei
    [/QUOTE]

    Olá, colega!

    Esta questão possui um erro conceitual grave:
    ela fornece despesas fixas unitárias, o que me levaria a perguntar se tais despesas unitárias estariam relacionadas à produção (absurdo!) ou às vendas (também não, pois as despesas variáveis é que estão relacionadas às vendas). Todavia, ainda que o candidato perceba que o examinador tenha se equivocado na elaboração da questão, não deve "brigar com a questão" e, sim, tentar contornar o problema e achar a alternativa que a questão requer. Neste caso específico, a solução foi relacionar as despesas fixas unitárias com as unidade produzidas. Entretanto, reforço que o correto seria o examinador informar para as despesas fixas o valor global e não unitário. Em resumo:
    Os custos unitários (fixos e variáveis), por definição, estão relacionados às unidades produzidas;
    As despesas unitárias variáveis (com vendas) estão relacionadas às unidades vendidas;
    As despesas unitárias fixas não estão relacionadas nem às unidades produzidas (pois, não são custos) e nem às unidades vendidas (pois estas carregam as despesas variáveis). Por esta razão, o tecnicamente correto seria informá-las pelo valor global.

    Um abraço!

    Paulo Guimarães
    Last edited by Paulo Guimarães; Mon, 11/02/13, 02:17 PM.

    Leave a comment:


  • Murilo Oliveira
    replied
    Re: Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

    Good Good...

    Leave a comment:


  • Paulo Guimarães
    replied
    Re: Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

    Janeiro

    Custeio por Absorção

    CPA: 20.000 x 7,0 = 140.000,00
    CPV: 15.000 x 7,0 = 105.000,00
    EF: 5.000 x 7,0 = 35.000,00

    Custeio Variável

    CPA: 20.000 x 4,0 = 80.000,00
    CPV: 15.000 x 4,0 = 60.000,00
    EF: 5.000 x 4,0 = 20.000,00

    DRE

    Itens\custeio Absorção Variável
    Vendas brutas 195.000,00 195.000,00
    - CPV (105.000,00) (60.000,00)
    Despesas variáveis --- (30.000,00)
    = Lucro bruto/MC 90.000,00 105.000,00
    - Despesas fixas (20.000,00) (20.000,00)
    - Custos fixos --- (60.000,00)
    - Despesas variáveis (30.000,00) ---
    = Lucro líquido 40.000,00 25.000,00


    Fevereiro

    Custeio por Absorção

    CPA: 20.000 x 8,0 = 160.000,00
    CPV:
    EIPA: 5.000 x 7,0 = 35.000,00
    CPA: 20.000 x 8,0 = 160.000,00
    Saldo (custo médio): 25.000 x 7,8 = 195.000,00
    CPV = 18.000 x 7,8 = 140.400,00
    EFPA: 7.000 x 7,8 = 54.600,00

    Custeio Variável

    CPA: 20.000 x 5,0 = 100.000,00
    CPV:
    EIPA: 5.000 x 4,0 = 20.000,00
    CPA: 20.000 x 5,0 = 100.000,00
    Saldo (custo médio): 25.000 x 4,8 = 120.000,00
    CPV = 18.000 x 4,8 = 86.400,00
    EFPA: 7.000 x 4,8 = 33.600,00

    DRE

    Itens\custeio Absorção Variável
    Vendas brutas 234.000,00 234.000,00
    - CPV (140.400,00) (86.400,00)
    Despesas variáveis --- (36.000,00)
    = Lucro bruto/MC 93.600,00 111.600,00
    - Despesas fixas (20.000,00) (20.000,00)
    - Custos fixos --- (60.000,00)
    - Despesas variáveis (36.000,00) ---
    = Lucro líquido 37.600,00 31.600,00


    Testando as alternativas:

    a) LB = $ 90.000,00 e MCu = $ 7,00. Não;
    b) MCjan = $ 105.000,00; MCfev = $ 111.600,00. Não;
    c) Fev: L.Op variável = $ 31.600,00; absorção = $ 37.600,00. Sim;
    d) Fev: Lb = 93.600,00; Mc = $ 111.600,00. Não;
    e) EF janeiro: Absorção = $ 35.000,00; Variável = $ 20.000,00. Não.

    Resposta: letra “C”.

    Leave a comment:


  • MIRibeiro
    replied
    Re: Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

    Acho que há um erro no cômputo das despesas fixas, veja:

    se o valor das despesas fixas unitárias é de 1,00 e eu vendo 15.000 unidades, o valor correspondente a esta despas seria 15.000(15.000x1) e não 20.000 como vemos abaixo. Alguém poderia comentar?


    Janeiro

    Absorcao

    CPA = 20.000 UN x R$ 7,00 = 140.000
    CPV = 15.000 UN x R$ 7,00 = 105.000
    EF = 5.000 UN x R$ 7,00 = 35.000

    Variável

    CPA = 20.000 UN x R$ 4,00 = 80.000
    CPV = 15.000 UN x R$ 4,00 = 60.000
    EF = 5.000 UN x R$ 4,00 = 20.000

    D.R.E. de Janeiro

    VL (15.000 UN x R$ 13,00) ................. 195.000 ............. 195.000
    (-) CPV .......................................... (105.000) ............ (60.000)
    (-) Despesas variáveis ...................... -0- ............ (30.000)
    Lucro Bruto/Margem Contribuição ........ 90.000 ............ 105.000
    (-) Despesas fixas ............................ (20.000) ............ (20.000)
    (-) Despesas variáveis ....................... (30.000) ............ -0-
    (-) Custos Fixos ............................... -0- ........... (20.000)
    Resultado Operacional ....................... 50.000 ............ 65.000

    Até aqui ja deu pra eliminar as alternativas B e C

    Fevereiro

    * Custos diretos variaveis subiram pra R$ 5.00 UN
    * Estoque avaliado pela média movel ponderada

    Absorçao

    CPA = 20.000 UN x R$ 8,00 = 160.000
    Estoque do periodo
    Estoque de janeiro .... 35.000
    (+) CPA ..................160.000
    Estoque ..................195.000
    Custo UN. (195.000/25.000 UN) ......R$ 7,8

    CPV = 18.000 UN x R$ 7,8 = 140.400
    EF = 7.000 UN x R$ 7,8 = 54.600

    Variável

    CPA = 20.000 UN x R$ 5,00 = 100.000
    Estoque do periodo
    Estoque de janeiro ............... 20.000
    (+) CPA ............................. 100.000
    Estoque ............................. 120.000
    Custo UN (120.000/25.000un) . R$ 4,80

    CPV = 18.000 UN x R$ 4,80 = 86.400
    EF = 7.000 UN x R$ 4,80 = 33.600

    D.R.E de Fevereiro


    CPV = 15.000 UN x R$ 7,00 = 105.000
    EF = 5.000 UN x R$ 7,00 = 35.000

    VL (18.000 UN x R$ 13,00) ................. 234.000 ............. 234.000
    (-) CPV .......................................... (140.400) ............ (86.400)
    (-) Despesas variáveis ...................... -0- ............ (36.000)
    Lucro Bruto/Margem Contribuição ........ 93.600 ............ 111.600
    (-) Despesas fixas ............................ (20.000) ............ (20.000)
    (-) Despesas variáveis ....................... (36.000) ............ -0-
    (-) Custos Fixos ............................... -0- ........... (60.000)
    Resultado Operacional ....................... 37.600 ............ 31.600

    Na prova eu so fui até o LB/MC, aqui já deu pra eliminar as alternativas A e D.


    Gabarito: E

    Não sei se da pra resolver de forma mais rápida.


    Abs.

    Vanderlei[/QUOTE]

    Leave a comment:


  • Aposentado
    replied
    Re: Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

    Originally posted by Rogerio "TUKA" View Post
    Como foram vendidos 18.000 unidades no mês de fevereiro, restaram 2.000 no estoque. Logo, a diferença será exatamente $3 x 2.000 = $ 6.000. Essa diferença é agregado tanto para o EF qto para o resultado operacional.
    Não consegui visualizar como essa diferença estará agregada no resultado operacional. Agradeço a compreensão.

    Leave a comment:


  • Rogerio "TUKA"
    replied
    Re: Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

    Excelente observação do t-baiano!

    Vou tentar pormenorizar mais um pouco:

    Custeio por absorção -----> CF é incorporado ao estoque;
    Custeio variável ---------> CF NÃO é incorporado ao estoque (é uma despesa na DRE)

    Dessa forma, pegando aleatoriamente o mês de janeiro, fica assim:

    Custeio por absorção -----> CT = 7,00
    Custeio variável ---------> CT = 4,00

    Logo, basta ter em mente que o saldo no estoque pelo custeio por absorção será de $3 a mais que pelo custeio variável.

    Como foram vendidos 18.000 unidades no mês de fevereiro, restaram 2.000 no estoque. Logo, a diferença será exatamente $3 x 2.000 = $ 6.000. Essa diferença é agregado tanto para o EF qto para o resultado operacional.

    Gabarito letra "E".

    PS: Ao se deparar com esse tipo de questão, ou seja, que induz a uma comparação dos saldos entre os métodos de custeio, seria ideal começar por esse macete devido a facilidade de se chegar ao gabarito com mais rapidez. Se não der certo, aí sim, teria que montar toda a estrutura da DRE para cada método de custeio conforme fez o Vanderlei. O maior problema seria começar por esse macete e não encontrar o gabarito. Nessa situação, a resolução tornar-se-ia mais custosa.

    Abç!

    Att,

    Rogério "TUKA"

    Leave a comment:


  • Murilo Oliveira
    replied
    Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

    Não entendi bem essa resolução... algum modo mais simplificado para ela?

    Leave a comment:


  • t-baiano
    replied
    Re: Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

    A forma mais rapida para resolver essa questão é saber que a diferença principal entre o custeio direto e o custeio por absorsão é que neste os custos inidiretos são "estocados" quando não vendidos, ou seja, os custos inidiretos são incorporados ao estoque e somente vão para o resutado pelo CMV. Então se em fevereito foram produzidas 20.000 unidades e foram vendidas 18.000 significa que 2.000 unidades vezes o custo indireto de R$ 3,00 = R$ 6.000,00 que na modade de custeio direto foi para o resultado do exercicio e no custeio por aborsão ficou no estoque.

    Leave a comment:


  • priscilaql
    replied
    Re: Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

    Alias, ja entendi o porque, sónao entendi os calculos dos CPV's de fevereiro

    Leave a comment:


  • priscilaql
    replied
    Re: Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

    Nao entendi pq no calculo do cpv cpa e Ef de janeiro (absorcao) multiplicou-se por 7 e nao por 10??

    Leave a comment:


  • VIM0073
    replied
    Re: Questão de Custos - FCC - SEFIN-RO - 2010

    Falae, Daniel


    Essa questão me deu muito trabalho na prova, primeiro pq o tempo de prova era muito pouco, 4,5 hs pra 100 questoes, e tb pq nao tinha espaço suficiente pra responder essa questão. A resposta so aparece na prorrogação do segunto tempo, porem eu a acertei por eliminação. Vamos-la:


    Janeiro

    Absorcao

    CPA = 20.000 UN x R$ 7,00 = 140.000
    CPV = 15.000 UN x R$ 7,00 = 105.000
    EF = 5.000 UN x R$ 7,00 = 35.000

    Variável

    CPA = 20.000 UN x R$ 4,00 = 80.000
    CPV = 15.000 UN x R$ 4,00 = 60.000
    EF = 5.000 UN x R$ 4,00 = 20.000

    D.R.E. de Janeiro

    VL (15.000 UN x R$ 13,00) ................. 195.000 ............. 195.000
    (-) CPV .......................................... (105.000) ............ (60.000)
    (-) Despesas variáveis ...................... -0- ............ (30.000)
    Lucro Bruto/Margem Contribuição ........ 90.000 ............ 105.000
    (-) Despesas fixas ............................ (20.000) ............ (20.000)
    (-) Despesas variáveis ....................... (30.000) ............ -0-
    (-) Custos Fixos ............................... -0- ........... (20.000)
    Resultado Operacional ....................... 50.000 ............ 65.000

    Até aqui ja deu pra eliminar as alternativas B e C

    Fevereiro

    * Custos diretos variaveis subiram pra R$ 5.00 UN
    * Estoque avaliado pela média movel ponderada

    Absorçao

    CPA = 20.000 UN x R$ 8,00 = 160.000
    Estoque do periodo
    Estoque de janeiro .... 35.000
    (+) CPA ..................160.000
    Estoque ..................195.000
    Custo UN. (195.000/25.000 UN) ......R$ 7,8

    CPV = 18.000 UN x R$ 7,8 = 140.400
    EF = 7.000 UN x R$ 7,8 = 54.600

    Variável

    CPA = 20.000 UN x R$ 5,00 = 100.000
    Estoque do periodo
    Estoque de janeiro ............... 20.000
    (+) CPA ............................. 100.000
    Estoque ............................. 120.000
    Custo UN (120.000/25.000un) . R$ 4,80

    CPV = 18.000 UN x R$ 4,80 = 86.400
    EF = 7.000 UN x R$ 4,80 = 33.600

    D.R.E de Fevereiro


    CPV = 15.000 UN x R$ 7,00 = 105.000
    EF = 5.000 UN x R$ 7,00 = 35.000

    VL (18.000 UN x R$ 13,00) ................. 234.000 ............. 234.000
    (-) CPV .......................................... (140.400) ............ (86.400)
    (-) Despesas variáveis ...................... -0- ............ (36.000)
    Lucro Bruto/Margem Contribuição ........ 93.600 ............ 111.600
    (-) Despesas fixas ............................ (20.000) ............ (20.000)
    (-) Despesas variáveis ....................... (36.000) ............ -0-
    (-) Custos Fixos ............................... -0- ........... (60.000)
    Resultado Operacional ....................... 37.600 ............ 31.600

    Na prova eu so fui até o LB/MC, aqui já deu pra eliminar as alternativas A e D.


    Gabarito: E

    Não sei se da pra resolver de forma mais rápida.


    Abs.

    Vanderlei

    Leave a comment:


Working...
X