Announcement

Collapse
No announcement yet.

Passivo Permanente

Collapse
X
  • Filter
  • Hora
  • Mostrar
Limpar tudo
new posts
  • ronaldo
    • 16/12/06
    • 1975

    Passivo Permanente

    Boa noite, amigos. Ao tentar resolver a prova TRE AM 2010 levei a maior surra em CPU., não conseguindo resolver as questões abaixo. Por favor , me ajudem nessas aqui também.

    28. Pela análise do Balanço Patrimonial, observou-se que uma entidade pública apresentava, em milhões de reais, Ativo Real
    Líquido de 200,00 e Ativo Permanente de 800,00 (o que representava 2/3 da soma do Ativo Real). Sabendo-se que o quociente
    de situação financeira era de 1,6, pode-se afirmar que o Passivo Permanente da entidade era, em milhões de reais,

    (A) 250,00

    (B) 750,00

    (C) 800,00

    (D) 950,00

    (E) 1.075,00


    29. Considere os fatos, a seguir, referentes ao exercício financeiro de X1 de um determinado governo municipal:

    − Lançamento da previsão da receita e da fixação da despesa referente à aprovação do orçamento com base na Lei
    Orçamentária Anual, no valor de R$ 4.000.000,00.

    − Arrecadação da Receita: tributária R$ 1.200.000,00; de serviços R$ 300.000,00; patrimonial R$ 150.000,00; Transferências
    Correntes R$ 2.300.000,00; Alienação de Bens Móveis R$ 200.000,00.

    − Empenho de despesas com: pessoal R$ 2.200.000,00; serviços de terceiros R$ 245.000,00; material de consumo
    R$ 365.000,00; aquisição de imóveis R$ 800.000,00; juros e encargos da dívida fundada R$ 260.000,00.

    − Liquidação de despesas com: pessoal R$ 2.200.000,00; serviços de terceiros R$ 200.000,00; material de consumo
    R$ 365.000,00; aquisição de imóveis R$ 700.000,00; juros e encargos da dívida fundada R$ 260.000,00.

    − Pagamento de despesas com: pessoal R$ 2.000.000,00; serviços de terceiros R$ 180.000,00; material de consumo
    R$ 350.000,00; aquisição de imóveis R$ 700.000,00; juros e encargos da dívida fundada R$ 260.000,00.

    − Pagamento de Restos a Pagar no valor de R$ 100.000,00.

    Com base nessas informações, é correto afirmar que, em X1,

    (A) o resultado de previsão orçamentária foi superavitário.

    (B) o excesso de arrecadação de receita foi R$ 560.000,00.

    (C) a economia orçamentária foi R$ 275.000,00.

    (D) a variação líquida positiva nas disponibilidades foi R$ 660.000,00.

    (E) o resultado de execução orçamentária foi R$ 280.000,00.

    30. Considere os fatos, a seguir, de uma determinada entidade pública referente ao exercício financeiro de X1:

    − Lançamento da previsão da receita e da fixação da despesa conforme Lei Orçamentária Anual, no valor de R$ 900.000,00.

    − Abertura de créditos especiais, com base no superávit financeiro do período anterior, no valor de R$ 30.000,00.

    − Arrecadação de tributos no valor de R$ 775.000,00.

    − Recebimento de créditos tributários inscritos em dívida ativa no valor de R$ 25.000,00.

    − Operações de Crédito para compra de bens móveis no valor de R$ 110.000,00.

    − Venda de um terreno pelo valor de custo registrado contabilmente por R$ 40.000,00.

    − Recebimentos referentes à prestação de serviços realizada por entidade da administração indireta, no valor de
    R$ 60.000,00.

    − Empenho, liquidação e pagamento de despesas com: pessoal R$ 400.000,00; aquisição de móveis R$ 415.000,00;
    aquisição de material de consumo R$ 30.000,00; amortização da dívida fundada R$ 50.000,00.

    − Empenho e liquidação de despesas com juros e encargos da dívida fundada no valor de R$ 20.000,00.

    − Recebimento de cauções no valor de R$ 30.000,00.

    − Pagamento de Restos a Pagar no valor de R$ 400.000,00.

    − Baixa de bem móvel destruído por sinistro no valor de R$ 100.000,00.

    − Inscrição de Tributos em Dívida Ativa no valor de R$ 50.000,00.

    − Variação Cambial da Dívida Fundada Externa no valor de R$ 15.000,00 (redução).

    − Reconhecimento de tributos recolhidos indevidamente no valor de R$ 10.000,00, cujo despacho de autorização ocorreu em
    X1.

    Com base nessas informações, é correto afirmar que os valores das receitas orçamentárias e extraorçamentárias no Balanço
    Financeiro foram, respectivamente, em reais, de

    (A) 1.000.000,00 e 40.000,00

    (B) 1.010.000,00 e 50.000,00

    (C) 1.000.000,00 e 60.000,00

    (D) 1.010.000,00 e 80.000,00

    (E) 890.000,00 e 60.000,00


    31. Observe o Balanço Orçamentário (em milhões de reais) de uma determinada entidade pública:

    Receitas Despesas
    Títulos Prevista Executada Diferença Títulos Fixada Executada Diferença
    Receitas Correntes 1200 1440 240
    Créd.
    Orçamentários e
    Suplementares
    1520 1500 −20
    Receitas de Capital 240 288 48 Créd. Especiais 60 20 −40

    Créd.
    Extraordinários
    20 20 0
    Soma 1440 1728 288 Soma 1600 1540 −60
    Déficit 160 −160 Superávit 188 188
    Total 1600 1728 128 Total 1600 1728 128

    Sabe-se que houve abertura de créditos suplementares no valor de R$ 80,00 (milhões), cujo recurso de cobertura foi o superávit
    financeiro do exercício anterior e que todas as despesas empenhadas foram pagas. Com base nos dados de previsão e
    execução orçamentária, é possível afirmar que o


    (A) quociente de execução da receita foi 1,2.

    (B) quociente de cobertura dos créditos adicionais foi 1,6.

    (C) aumento na situação financeira líquida foi R$ 88,00 (milhões).

    (D) quociente de equilíbrio orçamentário foi 0,9.

    (E) valor das receitas arrecadadas é igual ao das despesas empenhadas.

    Se esta 31 estiver confusa, me desculpem, pois quando colo no word ela fica assim desfigurada e não sei como organizar.

    GAB

    28-B
    29-E
    30-C
    31-A
  • Meklos
    • 26/10/06
    • 2893

    #2
    Re: Passivo Permanente

    Originally posted by ronaldo View Post
    28. Pela análise do Balanço Patrimonial, observou-se que uma entidade pública apresentava, em milhões de reais, Ativo Real
    Líquido de 200,00 e Ativo Permanente de 800,00 (o que representava 2/3 da soma do Ativo Real). Sabendo-se que o quociente
    de situação financeira era de 1,6, pode-se afirmar que o Passivo Permanente da entidade era, em milhões de reais,

    (A) 250,00

    (B) 750,00

    (C) 800,00

    (D) 950,00

    (E) 1.075,00
    Ativo Real líquido = 200
    Ativo Permanente = 800
    Ativo Permanente = 2/3 Ativo Real (Ativo Financeiro + Ativo Permanente)
    Quociente de Situação Financeira = Ativo Financeiro/Passivo Financeiro = 1,6 → Ativo Financeiro = 1,6 Passivo Financeiro


    (Ativo Financeiro + Ativo Permanente) – (Passivo Financeiro + Passivo Permanente) = Ativo Real Líquido, de acordo com o enunciado da questão.

    800 = 2/3 Ativo Real
    Ativo Real = 1200 → 1200 = 800 + Ativo Financeiro → Ativo Financeiro = 400


    Ativo Financeiro = 1,6 Passivo Financeiro → 400 = 1,6 Passivo Financeiro → Passivo Financeiro = 250

    (400 + 800) – (250 + Passivo Permanente) = 200
    1200 – 250 – Passivo Permanente = 200
    Passivo Permanente = 750
    (Letra B)

    Comentário

    • Meklos
      • 26/10/06
      • 2893

      #3
      Re: Passivo Permanente

      Originally posted by ronaldo View Post

      29. Considere os fatos, a seguir, referentes ao exercício financeiro de X1 de um determinado governo municipal:

      − Lançamento da previsão da receita e da fixação da despesa referente à aprovação do orçamento com base na Lei
      Orçamentária Anual, no valor de R$ 4.000.000,00.

      − Arrecadação da Receita: tributária R$ 1.200.000,00; de serviços R$ 300.000,00; patrimonial R$ 150.000,00; Transferências
      Correntes R$ 2.300.000,00; Alienação de Bens Móveis R$ 200.000,00.

      − Empenho de despesas com: pessoal R$ 2.200.000,00; serviços de terceiros R$ 245.000,00; material de consumo
      R$ 365.000,00; aquisição de imóveis R$ 800.000,00; juros e encargos da dívida fundada R$ 260.000,00.

      − Liquidação de despesas com: pessoal R$ 2.200.000,00; serviços de terceiros R$ 200.000,00; material de consumo
      R$ 365.000,00; aquisição de imóveis R$ 700.000,00; juros e encargos da dívida fundada R$ 260.000,00.

      − Pagamento de despesas com: pessoal R$ 2.000.000,00; serviços de terceiros R$ 180.000,00; material de consumo
      R$ 350.000,00; aquisição de imóveis R$ 700.000,00; juros e encargos da dívida fundada R$ 260.000,00.

      − Pagamento de Restos a Pagar no valor de R$ 100.000,00.

      Com base nessas informações, é correto afirmar que, em X1,

      (A) o resultado de previsão orçamentária foi superavitário.

      (B) o excesso de arrecadação de receita foi R$ 560.000,00.

      (C) a economia orçamentária foi R$ 275.000,00.

      (D) a variação líquida positiva nas disponibilidades foi R$ 660.000,00.

      (E) o resultado de execução orçamentária foi R$ 280.000,00.
      (A) o resultado de previsão orçamentária foi superavitário

      Não existe Resultado de Previsão Orçamentária. Existe, sim, Resultado de Execução Orçamentária.
      Item Falso.



      (B) o excesso de arrecadação de receita foi R$ 560.000,00

      Previsão da Receita = 4.000.000
      Execução da Receita = 4.150.000
      ( Arrecadação da Receita tributária R$ 1.200.000,00; de serviços R$ 300.000,00; patrimonial R$ 150.000,00; Transferências Correntes R$ 2.300.000,00; Alienação de Bens Móveis R$ 200.000,00)

      Ou seja, houve Excesso de Arrecadação, sim, mas ele foi de 150.000.
      Item falso.



      (C) a economia orçamentária foi R$ 275.000,00

      Economia Orçamentária é o resultado positivo da seguinte equação: Despesa Fixada – Despesa Executada.

      Daí, temos:

      Despesa Fixada = 4.000.000
      Despesa Executada = 3.870.000
      ( Empenho de despesas com: pessoal R$ 2.200.000,00; serviços de terceiros R$ 245.000,00; material de consumo R$ 365.000,00; aquisição de imóveis R$ 800.000,00; juros e encargos da dívida fundada R$ 260.000,00)

      Ou seja, Economia Orçamentária foi de 130.000,00.
      Item falso.



      (D) a variação líquida positiva nas disponibilidades foi R$ 660.000,00

      A variação líquida das disponibilidades é dada pela equação: INGRESSOS - DISPÊNDIOS

      INGRESSOS = Receita Arrecadada = 4.150.000
      DISPÊNDIOS = 3.590.000
      (Pagamento de despesas com: pessoal R$ 2.000.000,00; serviços de terceiros R$ 180.000,00; material de consumo R$ 350.000,00; aquisição de imóveis R$ 700.000,00; juros e encargos da dívida fundada R$ 260.000,00. Pagamento de Restos a Pagar no valor de R$ 100.000,00)

      Daí, temos que: variação líquida das disponibilidades = 560.000 (positiva)
      Item falso.



      (E) o resultado de execução orçamentária foi R$ 280.000,00

      resultado de execução orçamentária = Receitas arrecadadas – despesas empenhadas
      resultado de execução orçamentária = 4.150.000 – 3.870.000
      resultado de execução orçamentária = 280.000

      Item verdadeiro.

      Comentário

      • ronaldo
        • 16/12/06
        • 1975

        #4
        Re: Passivo Permanente

        Amigos, e quanto a questão 30 e 31, como ficaria a resolução?

        Comentário

        • Graciano Rocha
          • 16/03/07
          • 669

          #5
          Re: Passivo Permanente

          Vou reproduzir apenas o que importa na questão 30.

          30. Considere os fatos, a seguir, de uma determinada entidade pública referente ao exercício financeiro de X1:

          − Arrecadação de tributos no valor de R$ 775.000,00.

          − Recebimento de créditos tributários inscritos em dívida ativa no valor de R$ 25.000,00.

          − Operações de Crédito para compra de bens móveis no valor de R$ 110.000,00.

          − Venda de um terreno pelo valor de custo registrado contabilmente por R$ 40.000,00.

          − Recebimentos referentes à prestação de serviços realizada por entidade da administração indireta, no valor de R$ 60.000,00.

          − Empenho e liquidação de despesas com juros e encargos da dívida fundada no valor de R$ 20.000,00.

          − Recebimento de cauções no valor de R$ 30.000,00.

          − Reconhecimento de tributos recolhidos indevidamente no valor de R$ 10.000,00, cujo despacho de autorização ocorreu em X1.

          INGRESSOS ORÇAMENTÁRIOS
          775.000
          - 10.000 (recolhimento indevido)
          + 25.000
          + 110.000
          + 40.000
          + 60.000

          = 1.000.000

          INGRESSOS EXTRAORÇAMENTÁRIOS
          20.000 (RP do exercício)
          + 30.000
          + 10.000 (recolhimento indevido)

          = 60.000

          O reconhecimento de arrecadação indevida representa recursos a serem devolvidos, por isso entram na receita extraorçamentária.

          Mas não está muito claro que os 10.000 deveriam ser deduzidos dos 775.000. Esse valor maior deveria ser apontado como bruto, sem deduções ainda.

          Comentário

          • Meklos
            • 26/10/06
            • 2893

            #6
            Re: Passivo Permanente

            Originally posted by ronaldo View Post
            Amigos, e quanto a questão 30 e 31, como ficaria a resolução?
            Estou meio atolado, mas logo as resolvo, blz?

            Comentário

            • ronaldo
              • 16/12/06
              • 1975

              #7
              Re: Passivo Permanente

              Meklos, beleza, só tranquilidade, sem estress, rsrs.

              Comentário

              • Meklos
                • 26/10/06
                • 2893

                #8
                Re: Passivo Permanente

                Originally posted by ronaldo View Post
                31. Observe o Balanço Orçamentário (em milhões de reais) de uma determinada entidade pública:

                Receitas Despesas
                Títulos Prevista Executada Diferença Títulos Fixada Executada Diferença
                Receitas Correntes 1200 1440 240
                Créd.
                Orçamentários e
                Suplementares
                1520 1500 −20
                Receitas de Capital 240 288 48 Créd. Especiais 60 20 −40

                Créd.
                Extraordinários
                20 20 0
                Soma 1440 1728 288 Soma 1600 1540 −60
                Déficit 160 −160 Superávit 188 188
                Total 1600 1728 128 Total 1600 1728 128

                Sabe-se que houve abertura de créditos suplementares no valor de R$ 80,00 (milhões), cujo recurso de cobertura foi o superávit
                financeiro do exercício anterior e que todas as despesas empenhadas foram pagas. Com base nos dados de previsão e
                execução orçamentária, é possível afirmar que o


                (A) quociente de execução da receita foi 1,2.

                (B) quociente de cobertura dos créditos adicionais foi 1,6.

                (C) aumento na situação financeira líquida foi R$ 88,00 (milhões).

                (D) quociente de equilíbrio orçamentário foi 0,9.

                (E) valor das receitas arrecadadas é igual ao das despesas empenhadas.

                Já que o Graciano fez a questão 30, faço a questão 31.


                (A) quociente de execução da receita foi 1,2.

                quociente de execução da receita = receita realizada/receita prevista
                quociente de execução da receita = 1728/1440
                quociente de execução da receita = 1,2

                Item verdadeiro.


                (B) quociente de cobertura dos créditos adicionais foi 1,6

                quociente de cobertura dos créditos adicionais = Excesso de arrecadação/Créditos adicionais abertos
                quociente de cobertura dos créditos adicionais = 288/(80 + 20 + 20)
                quociente de cobertura dos créditos adicionais = 288/120
                quociente de cobertura dos créditos adicionais = 2,4

                Item falso.


                (C) aumento na situação financeira líquida foi R$ 88,00 (milhões)

                situação financeira líquida = ativo financeiro – passivo financeiro
                situação financeira líquida = 80 milhões
                (dado pelo enunciado da questão)
                Item falso.


                (D) quociente de equilíbrio orçamentário foi 0,9

                quociente de equilíbrio orçamentário = despesa fixada/receita prevista
                quociente de equilíbrio orçamentário = 1600/1440
                quociente de equilíbrio orçamentário = 1,11

                Item falso.


                (E) valor das receitas arrecadadas é igual ao das despesas empenhadas.

                receitas arrecadadas = 1728
                despesas empenhadas = 1540

                Item falso.

                Inté!

                Comentário

                • ronaldo
                  • 16/12/06
                  • 1975

                  #9
                  Re: Passivo Permanente

                  Originally posted by Graciano Rocha (dr lecter) View Post

                  INGRESSOS EXTRAORÇAMENTÁRIOS
                  20.000 (RP do exercício)
                  Graciano, esses 20 de restos a pagar tá mesmo no enunciado da questão, pois li, reli e não vi.

                  Inscrição de tributos em dívida ativa no valor de 50.000. Esse valor não seria ingresso extraorçamentário?
                  Last edited by ronaldo; Fri, 19/03/10, 12:02 PM.

                  Comentário

                  • ronaldo
                    • 16/12/06
                    • 1975

                    #10
                    Re: Passivo Permanente

                    Originally posted by Meklos View Post

                    (A) quociente de execução da receita foi 1,2.

                    quociente de execução da receita = receita realizada/receita prevista
                    quociente de execução da receita = 1728/1440
                    quociente de execução da receita = 1,2

                    Item verdadeiro.


                    (B) quociente de cobertura dos créditos adicionais foi 1,6

                    quociente de cobertura dos créditos adicionais = Excesso de arrecadação/Créditos adicionais abertos
                    quociente de cobertura dos créditos adicionais = 288/(80 + 20 + 20)
                    quociente de cobertura dos créditos adicionais = 288/120
                    quociente de cobertura dos créditos adicionais = 2,4
                    .





                    (D) quociente de equilíbrio orçamentário foi 0,9

                    quociente de equilíbrio orçamentário = despesa fixada/receita prevista
                    quociente de equilíbrio orçamentário = 1600/1440
                    quociente de equilíbrio orçamentário = 1,11

                    Item falso.!
                    Meklos, por onde se aprende esses quocientes, pois pelo livro que uso, só aprendi mesmo o quociente de execução da despesa.

                    Jamais, no meu estudo incipiente, eu iria deduzir , a partir do quociente de execução da despesa, que haveria esses quocientes apresentadas pela questão.

                    Em resumo: atribuo essa falta de conhecimento ao material pelo qual estudo.

                    Comentário

                    • Graciano Rocha
                      • 16/03/07
                      • 669

                      #11
                      Re: Passivo Permanente

                      Originally posted by ronaldo View Post
                      Graciano, esses 20 de restos a pagar tá mesmo no enunciado da questão, pois li, reli e não vi.

                      Inscrição de tributos em dívida ativa no valor de 50.000. Esse valor não seria ingresso extraorçamentário?
                      A questão não declarou os RP abertamente. O negócio é que houve dois itens referentes a execução de despesa, um em que se explicitou a liquidação e o pagamento, e esse outro, que parou na liquidação. Assim, esperou-se do candidato a inferência de que o valor ficaria a pagar após o fim do exercício.

                      No caso da inscrição de dívida ativa, esse fato ocorre justamente porque não há qualquer ingresso de recursos. A Administração registra um direito a receber: "o cidadão tal tá me devendo". Como não houve ingresso, não vai pro BF.

                      Comentário

                      • Meklos
                        • 26/10/06
                        • 2893

                        #12
                        Re: Passivo Permanente

                        Originally posted by ronaldo View Post
                        Meklos, por onde se aprende esses quocientes, pois pelo livro que uso, só aprendi mesmo o quociente de execução da despesa.

                        Jamais, no meu estudo incipiente, eu iria deduzir , a partir do quociente de execução da despesa, que haveria esses quocientes apresentadas pela questão.

                        Em resumo: atribuo essa falta de conhecimento ao material pelo qual estudo.
                        Chapa, dê uma olhada neste link: clique

                        Abrçs!

                        Comentário

                        • ronaldo
                          • 16/12/06
                          • 1975

                          #13
                          Re: Passivo Permanente

                          Originally posted by Graciano Rocha (dr lecter) View Post
                          . O negócio é que houve dois itens referentes a execução de despesa, um em que se explicitou a liquidação e o pagamento, e esse outro, que parou na liquidação.
                          Graciano, por gentileza, você poderia esclarecer melhor essa parte do seu comentário.

                          Comentário

                          • ronaldo
                            • 16/12/06
                            • 1975

                            #14
                            Re: Passivo Permanente

                            Graciano, não compreendi seu comentario.

                            Comentário


                            • #15
                              Re: Passivo Permanente

                              É que teve um item da despesa em que uma quantia foi liquidada mas não foi paga, o que, implicitamente, demostra que essa importância foi inscrita em restos a pagar processados sem que o enunciado da questão fizesse referência a isso abertamente.

                              Acho que foi o caso das despesas de pessoal, que foram empenhadas e liquidadas em R$ 2,2 milhões, das quais foram pagas somente R$ 2 milhões, sendo automaticamente inscritos R$ 200 mil em restos a pagar processados.

                              Comentário

                              • Graciano Rocha
                                • 16/03/07
                                • 669

                                #16
                                Re: Passivo Permanente

                                Originally posted by ronaldo View Post
                                Graciano, por gentileza, você poderia esclarecer melhor essa parte do seu comentário.
                                30. Considere os fatos, a seguir, de uma determinada entidade pública referente ao exercício financeiro de X1:

                                − Empenho, liquidação e pagamento de despesas com: pessoal R$ 400.000,00; aquisição de móveis R$ 415.000,00;
                                aquisição de material de consumo R$ 30.000,00; amortização da dívida fundada R$ 50.000,00.

                                − Empenho e liquidação de despesas com juros e encargos da dívida fundada no valor de R$ 20.000,00.


                                Eu me referi a esses dois tópicos. O primeiro indica ter havido execução total das despesas, com pagamento dentro do exercício X1. No outro, chega-se apenas à liquidação dentro de X1, ou seja, a questão espera que o candidato classifique esses R$ 20.000 como restos a pagar, já que seu pagamento não se deu no exercício de origem da despesa.

                                Comentário


                                Working...
                                X