Página 1 de 3 123 ÚltimaÚltima
Mostrando resultados 1 até 15 de 38

Tópico: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG


  1. #1

    Padrão Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    Pessoal,

    Saiu o edital:

    http://www.ejef.tjmg.jus.br/home/fil...stica_2012.pdf

    Alguém aqui prestará? Se sim, poderíamos trocar informações, especialmente sobre os conhecimentos específicos.

  2. #2

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    jneto91,tbém vou fazer tribunal de justiça.Mas estou um pouco perdida em relação a parte específica.Que material vc está utilizando? Desde já agradeço se puder me ajudar.

  3. #3

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    Pois é, ROBORGES.

    Para quem não é da área, como eu, é difícil identificar o que é cada matéria pedida.

    Por enquanto não estou utilizando material nenhum. Começarei a estudar somente em maio.

    O que farei será o curso de processual civil e processual penal do EVP, o restante, somente "lei seca".

    Talvez o Méritus e o Orville Carneiro coloquem à venda apostilas. Se sim, vou comprar para usar de guia.

  4. #4

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    oi gente também vou fazer, pensei em fazer o cursos penal e civil no EVP mas acho q nao será de todo útil por que os professores especificam muito o conteúdo pra determinados concursos, por isso vou de lei seca mesmo. tenho até uma apostila aki de 2005 (kkkkk), vou ver se dá pra aproveitar alguma coisa. Mas vamos ver o q surge daqui pra frente.

  5. #5

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    Valeu pela dica jneto91.Vou fazer tbém os cursos do EVP.

    Já tenho um da Janaína Noleto de resoluções de questões de direito processual civil

    estou dando uma olhada.No mais é esperar algum material escrito pra comprar e lei seca.

  6. #6

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    Eu nunca estudei processual civil, não tenho a menor ideia de como seja e quais pontos do CPP são aqueles do edital. Se você puder me ajudar, por favor!

    Mandei um e-mail ao Orville Carneiro perguntando se eles vendem as apostilas do curso, mas não me responderam. Já vi algumas apostilas deles e são boas.

  7. #7

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    Boa noite amigos concurseiros!
    Também irei fazer o concurso do TJ, porém estou completamente perdido quanto à parte específica. Alguém poderia me ajudar? Sabem de alguma empresa que está vendendo apostila, atualizada?

  8. #8

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    Decidi que, para este concurso, usarei apenas uma apostila específica. Preciso apenas da parte específica, vou comprar a da vestcon:

    https://www.vestcon.com.br/apostila/...avaliador.aspx

    Tem alguma opção melhor a essa?

  9. #9

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    OLá pessoal, tb vou prestar pra passar, quanto as apostilas, comprei todas essas da meritusonline. Só têm um pouco mais de 3 meses até a prova, não da tempo de ficar escolhendo muito, e vamo que vamo!

    http://www.loja.meritusonline.com.br...-aula-concurso

  10. #10
    Registrado em
    16/01/12
    Localização
    Guaxupe, MG
    Posts
    3

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    E ae galera, alguem tem a lei seca resumida, ou explicada, para me enviar??? me adicionem ae no msn slap_bazz@hotmail.com

    eu tenho a matéria do direito processual penal e civil. Apostila feita pelo curso da OAB realizado pela LFG. Muito boa vou estudar por ela e pelo sistema EVP também.

    e alguma aulas da lfg.

  11. #11

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    Nível Superior
    22 de março de 2012
    TJMG desrespeita LC 105/08 e mantém exigência de nível médio em concurso para oficial de justiça

    Foi publicado no Diário do Judiciário Eletrônico desta quarta-feira, 21, o Edital nº 01/2012 (veja o edital, publicado a partir da página 14), que abre Concurso público para formação de cadastro de reserva para o cargo de oficial judiciário, especialidade oficial de justiça avaliador, do quadro de pessoal da Justiça de Primeira Instância do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais.

    O SINDOJUS/MG informa a toda a categoria que o edital mantém o nível médio de escolaridade como requisito para participação no concurso e esclarece que, desta forma, o Tribunal de Justiça descumpre de forma desrespeitosa e imoral a Lei Complementar 105/2008, em seus artigos 58 e 63, por meio dos quais institui a exigência de formação superior em Direito para ingresso no cargo e garante a equivalência salarial para os atuais ocupantes do cargo que não tenham a nova escolaridade exigida.

    A Assessoria Jurídica do SINDOJUS/MG, representada pelos escritórios Leonardo Militão Advogados Associados e Barbosa & Dias Advogados Associados, já está a postos, pronta para tomar as medidas jurídicas cabíveis e necessárias em relação aos termos acima citados do concurso.

    Além das medidas jurídicas, o Sindicato buscará mobilizar toda a categoria para a realização de atos públicos, nas comarcas do interior e da capital, sem descartar uma paralisação total dos serviços, ou seja, GREVE!
    .................................................. .........................
    Na minha opinião galera você imagina quem é pobre no brasil e ver o concurso de nível médio como forma de mudar de vida. agora exigir nível superior é afastar o princípio da isonomia, pois a grande massa do brasil não tem curso superior não porque querem mas a dificuldades são muitas(cidades que não tem universidades, recursos financeiros, e muitos outros fatores). tudo bem, que se aplique a lei exija o curso superior em bacharel de direito, mas que exijam também registro na OAB pois existem muitos concurseiros que não tem curso superior em direito mas que estudam com afinco e dedicação pois muitos querem mudar de vida. agora que é fato que tem muitos "profissionais do direito" que se formam e não passam em concursos de nível médio. E aí? será que mudar o rótulo:nível superior, vai selecionar os melhores profissionais?

  12. #12

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    Material de qualidade gratis para que vai prestar este concurso
    http://concursomgpublico.blogspot.com.br/

  13. #13

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    Citação Postado Originalmente por gabrielt18 Ver Post
    Nível Superior
    22 de março de 2012
    TJMG desrespeita LC 105/08 e mantém exigência de nível médio em concurso para oficial de justiça

    Foi publicado no Diário do Judiciário Eletrônico desta quarta-feira, 21, o Edital nº 01/2012 (veja o edital, publicado a partir da página 14), que abre Concurso público para formação de cadastro de reserva para o cargo de oficial judiciário, especialidade oficial de justiça avaliador, do quadro de pessoal da Justiça de Primeira Instância do Tribunal de Justiça do Estado de Minas Gerais.

    O SINDOJUS/MG informa a toda a categoria que o edital mantém o nível médio de escolaridade como requisito para participação no concurso e esclarece que, desta forma, o Tribunal de Justiça descumpre de forma desrespeitosa e imoral a Lei Complementar 105/2008, em seus artigos 58 e 63, por meio dos quais institui a exigência de formação superior em Direito para ingresso no cargo e garante a equivalência salarial para os atuais ocupantes do cargo que não tenham a nova escolaridade exigida.

    A Assessoria Jurídica do SINDOJUS/MG, representada pelos escritórios Leonardo Militão Advogados Associados e Barbosa & Dias Advogados Associados, já está a postos, pronta para tomar as medidas jurídicas cabíveis e necessárias em relação aos termos acima citados do concurso.

    Além das medidas jurídicas, o Sindicato buscará mobilizar toda a categoria para a realização de atos públicos, nas comarcas do interior e da capital, sem descartar uma paralisação total dos serviços, ou seja, GREVE!
    .................................................. .........................
    Na minha opinião galera você imagina quem é pobre no brasil e ver o concurso de nível médio como forma de mudar de vida. agora exigir nível superior é afastar o princípio da isonomia, pois a grande massa do brasil não tem curso superior não porque querem mas a dificuldades são muitas(cidades que não tem universidades, recursos financeiros, e muitos outros fatores). tudo bem, que se aplique a lei exija o curso superior em bacharel de direito, mas que exijam também registro na OAB pois existem muitos concurseiros que não tem curso superior em direito mas que estudam com afinco e dedicação pois muitos querem mudar de vida. agora que é fato que tem muitos "profissionais do direito" que se formam e não passam em concursos de nível médio. E aí? será que mudar o rótulo:nível superior, vai selecionar os melhores profissionais?
    Concurso para provimento de cargo público não é meio de sanar pobreza de ninguém. É meio legítimo para manutenção da máquina pública. Não fere isonomia pois, numa simples analogia, todos os concursos então feririam. Qual a lógica de exigir registro na OAB? O que tem a ver uma coisa com a outra? O cargo exige atividade postulatória? Está abarcado pelo EAOAB? Não... Não é questão de mudar rótulo, a questão é que a exigência de nível superior se encontra em lei e é legítima em razão das atribuições do cargo.

  14. #14

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    Contribuindo para o tópico e aos interessados no concurso, segue a nova composição da remuneração para o cargo de Oficial de Justiça Avaliador do TJMG, resultado das negociações da última greve:

    Salário base inicial / Padrão Judiciário inicial - PJ 28 (a partir maio 2013): R$ 2.301,45
    Adicional de Periculosidade: R$ 387,60
    Abono mensal (a partir de 1º agosto): R$ 130,00
    Auxilio alimentação (a partir de 1º de julho): R$ 710,00

    Além dos valores acima ainda é pago um valor de indenização de transporte que é variável (por mandados cumpridos e depende da Comarca de lotação), de aproximadamente: R$ 1.000,00 a R$ 2.500,00 mensais, em média.

    Até mais, MAISZUM!

  15. #15

    Padrão Re: Oficial Judiciário - Oficial de Justiça Avaliador 1ª Instância MG

    Bom dia!

    Alguém saberia informar se todos os classificados foram chamados no ultimo concurso para a localidade BH?

    O ultimo concurso foi o de 2005?

    Grata!


Página 1 de 3 123 ÚltimaÚltima

Regras para Posts

  • Você não pode postar novos tópicos
  • Você não pode postar respostas
  • Você não pode postar anexos
  • Você não pode editar seus posts
  •  
quem somos
Nosso objetivo é ser uma ferramenta útil e gratuita à preparação para concursos. Para isso, nosso foco é o estudo por meio da discussão e resolução de questões teóricas e a troca de informações a respeito de concursos em um ambiente de participação e colaboração positivas.

O Fórum Concurseiros é uma iniciativa particular aberta a todos que entendem e compartilham dos seus objetivos.
Quer deixar uma sugestão ou tem alguma dúvida entre em contato
nossas redes