Announcement

Collapse
No announcement yet.

Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

Collapse
X
  • Filter
  • Hora
  • Mostrar
Limpar tudo
new posts
  • semgabarito
    • 31/07/08
    • 105

    Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

    Pessoal, mandaram algumas MPs pra mim perguntando um pouco da trajetória de aprovação no ICMS-SP. Não ia escrever sobre isso, nem sei se sou um grande exemplo e não acho que teria muitas novidades a dizer. Então, para não ficar repetitivo, vou tentar ser o mais direto possível.

    Talvez a história de uma pessoa com 3, 4 anos de estudo (ou mais) que tenha ficado entre os primeiros, com uma formação em área afim ou com uma situação econômica estável, ocupando uma das 10 primeiras posições de um concurso top seja tão interessante quanto a de um candidato que ficou em 450° e teve um percurso mais rápido ou mais acidentado. Apesar de eu esperar uma posição boa no ICMS-SP (entre os 30, talvez entre os 25), acho que não é a posição que conta, mas sim alguma dica diferenciada que possa fazer a diferença.


    TEMPO DE ESTUDO

    Comecei a estudar há 1 ano e 10 meses, aproximadamente. Acho que fiz uma nota significativa para tão pouco tempo de estudo. Desse tempo, 1 ano eu estava trabalhando em tempo integral e 10 meses, meio período. Minha graduação pregava o "não decorar". Na universidade, nunca fiz uma prova objetiva. Nem o vestibular da Unicamp era por questões objetivas. Tive que aceitar a regra do jogo dos concursos. Eu tinha uma virtude: saber ler e interpretar bem; por isso, me dava bem nos direitos. No mais, foi esforço mesmo, transpiração. E talvez algumas escolhas certas, porque, apesar das minhas limitações, acho que consegui uma aprovação importante num prazo razoavelmente curto. Se algum desses atalhos servir para alguém, ótimo.


    AS MATÉRIAS

    Minha formação é em Letras. "Ah, então você não precisou estudar Português". Não é bem assim... Fiz letras na Unicamp, uma das melhores da área, e não tive NENHUM semestre de gramática. A aula de gramática que tive estudava a gramática gerativa (Noam Chomsky), nada a ver com a gramática tradicional. "Então, você é bom em interpretação". Existem diversos arcabouços teóricos que fundamentam interpretações lingüísticas, mas, infelizmente, os elaboradores de prova não os conhecem bem. Então, o que eu aprendi de gramática e intepretação (esta última nem sempre dá pra aprender) foi na raça mesmo, e um pouco na intuição (eu tinha aprendido gramática para outros trabalhos que desenvolvi). Português eu praticamente não estudei.

    Eu tinha dificuldade em exatas. No vestibular, praticamente zerei (coisa de 1% em Física e 1,33% em Matemática). Para a minha área, não era importante saber exatas. Nem é fácil aprender matemática e física em escola pública durante toda a vida.

    Estudando pra concurso, aprendi a enfrentar esses bloqueios e comecei a ficar craque em matemática financeira e estatística, de modo que acertei 2 das 15 questões na prova do ICMS (rs). Bom, eu estava bem mesmo, mas para a prova da Esaf; a FCC, e a P1 do ICMS (pouco tempo para muitas questões), são outra história... Deixei para o final e chutei 13 das 15; errei todas que chutei.

    Em Rac. Lógico, eu estava uma fera em Lógica. Tinha a ver com umas matérias de filosofia que fiz na universidade. Mas: a prova que veio foi com cara de nível médio... Fiz 9 das 20 questões. Rac. Lógico era uma das matérias novas pra mim. Depois de 1 ano estudando pra RFB, com tantas matérias, você chega a pensar que não é capaz de aprender nenhuma matéria nova em pouco tempo. Foi bom perceber que é possível sim aprendê-las: a partir de 2009 tive contato pela primeira vez com matérias como: ICMS, Auditoria, Rac.Lógico, Custos, Análise de Balanços, Resoluções do CFC, DVA/DFC etc.


    MOTIVAÇÃO

    Nunca fui de ler livros de auto-ajuda para concursos. Odeio essa história de auto-ajuda e de motivação. Eu pensava comigo que existe a motivação intrínseca e a extrínseca: a primeira, é o desejo de enfrentar o desafio; a segunda, era a decorrência financeira com a aprovação. Essa segunda não me empolgava, porque era passageira. É como treinador de futebol querendo motivar seu time usando a provocação do adversário durante a semana; pode servir só para um jogo, só por meia hora... A minha maior motivação era sentir que eu fazia progresso, que eu superava as dificuldades, que minha auto-disciplina aumentava. Quando eu pensava no salário, meio que eu "amarelava" e pensava: "nossa, mas outras pessoas inteligentíssimas devem ter tido essa mesma ideia de passar em um concurso grande".

    E outra: sou ateu, já há muito tempo. Então, eu sabia que era só eu, os livros e, no máximo, meu inconsciente freudiano. Sem divindades pra ajudar ou atrapalhar.


    FASES

    Um texto que ajudou muito foi o Manual em PDF do Alex Meirelles. Eu pulava as partes sobre motivação e ia pra parte técnica, que me foi muito preciosa. Depois de 1 ano, não fazia mais ciclos, nem anotava minhas horas de estudo. Eu fazia tudo meio de cabeça.

    Acho que eu poderia dividir minha preparação em algumas grandes fases:

    1a) PRÉ-HISTÓRIA (3 OU 4 meses iniciais). Fiquei sabendo do concurso do TCU e, ingenuamente, comprei uma apostila em PDF. Quando chegou a apostila, vi que o buraco era mais embaixo. Procurei se na minha cidade tinha cursinho. Por "sorte" (e que sorte), um cursinho fajuto da minha cidade ia iniciar uma turma de RFB no dia seguinte. Matriculei-me e comprei todas as "abostilas" do Central dos Concursos.

    2a) PERÍODO FEUDAL (do 5° mês ao fim do primeiro ano). Conheci o Fórum, o texto do Meirelles e alguns bons livros para concursos. Foi aí que eu percebi que o buraco era ainda mais embaixo. Levava o livro de exercícios da Esaf do Ferreira para a hora do meu almoço. Fiz esse livro umas 3 vezes; levava uns dois meses para concluí-lo. Li os livros de teoria e de exercícios da Campos e da Ed. Ferreira nas minhas noites e aos finais de semana. Tentava manter umas 3 horas à noite mais uma hora no almoço durante a semana; aos finais de semana, estudava cerca de 8h por dia.

    Foi nessa época que prestei o APO-MPOG; fiz 67% da prova e fiquei muito animado, mas o corte foi acima dos 70%... Foi aí que eu percebi que o buraco era ainda mais embaixo e que o corte era mais em cima (rs). Eu não havia estudado as matérias específicas da área de gestão. Percebi que para ser aprovado, tinha que ser bom em todas as matérias. Passei a dar para algumas matérias (inglês, informática, mat.financeira, estatística, economia) o mesmo peso que eu dava para as quatro mais (dir.const., dir. adm., dir. trib. e contabilidade).

    3a) REVOLUÇÃO INDUSTRIAL (do fim do primeiro ano em diante). Larguei meu trabalho de jornada integral, arrumei trabalho de meio período e aluguei uma kitnet insalubre (mas que serviu para eu morar sozinho). Foi uma época de muito aperto. Meus pais não eram de Campinas; eu só tinha minha namorada na cidade. Meus amigos foram ficando distantes. Quando separei da minha namorada, fiquei um mês em deprê, sem estudar; foi na mesma época em que meus pais tiveram problemas de saúde e meu irmão estava passando por um problema muito grave. No dia em que larguei meu trabalho, comprei um notebook e fiquei mais apertado ainda. Era um trade-off entre MAIS TEMPO LIVRE e LIVROS (rs). Preferi ter mais tempo livre. Pegava livro emprestado com meus colegas, não fazia mais aulas.

    Prestei MDIC. Por uma grande sacanagem da CESPE, não fui aprovado. Tinha nota pra ficar entre os 10 (sendo que só 20 das 40 vagas foram preenchidas, algo assim). Acontece que: 1) no dia da prova, o fiscal de sala disse que faltava 7 minutos para o término (eu já tinha feito tudo estava enrolando e conferindo); eu estava passando o gabarito quando, 2 minutos depois do recado do fiscal de sala, soou uma sirene e o fiscal me tomou a prova (o que valia era a sirene, não o relógio do fiscal); 2) mesmo assim, eu tinha feito o mínimo na prova 3 (que era a parte final da prova da manhã, que ficou com 10 questões sem preencher), até que o CESPE resolve mudar 3 gabarito e eu perdi 6 pontos (caí no corte da prova 3).

    O mundo caiu. A segunda grande reprovação. No MPOG, eu me animei com meu resultado, após poucos meses de estudo. No MDIC, eu vi que eu não tinha sido aprovado por uma série de coincidências (não foram os astros, nem seres mágicos, rs).

    Nessa época, eu já trabalhava só meio período. Acelerei muito meus estudos. Montei, com alguns colegas do Fórum, um grupo virtual de estudos, no Googledocs. Foi uma das melhores experiências de estudo. Fazíamos simulados virtuais. Pessoas muito sérias e dedicadas, que hoje são meus amigos.

    4a) CONQUISTA ESPACIAL

    Só me decidi pelo ICMS em maio de 2009. Eu não largava a Receita, o que foi um erro. O máximo que fiz foi estudar, de leve, Custos, Análise de Balanços (que não caiu), Auditoria e Rac.Lógico. Li também o livro de ICMS do José Rosa, livro fundamental na minha aprovação (e na de quase todos os aprovados, óbvio). Mas eu não aprofundava em nada, porque não queria perder minha preparação pra Receita Federal, que, apesar de ter sido uma curta preparação, tinha sido muito intensa. Quando, em maio, os boatos do ICMS-SP aumentaram e os boatos de "só vaga pra fronteira na Receita Federal", resolvi focar no ICMS-SP, arrependido por não ter feito isso antes. Ainda assim, a prefeitura de Campinas entrou em greve por 15 dias em maio-junho e participei diretamente (apesar de estar em estágio probatório lá, rs).

    Prestei o APOFP-SP. Fui aprovado. Olha que estranho: apesar da aprovação, tive um baque maior do que nas reprovações do MPOG e MDIC. Eu percebi: "tem muita gente boa, muita gente estudando, muita gente boa em São Paulo, e essa gente toda deve estar focada no ICMS-SP". Fiquei pra baixo. É o que os economista chamam de "na margem": na margem, eu havia regredido e meus colegas estavam avançando. Pensei que o meu auge já tinha passado e temi desanimar.

    Foi bom ter pensado assim. A humildade voltou, rs... Eu tinha que fazer melhor na próxima. E seria no ICMS-SP; Receita, não mais.

    5a) PÓS-EDITAL. Chegando em Marte.

    O edital do ICMS saiu no dia 19/06, dia em que completei 30 anos, rs... Imprimi o edital. Levantei todos os resumos que eu tinha das matérias. Eu tinha montado um banco enorme de questões. Perdi tempo montando esses resumos e questões, mas eu sabia que eles me valeriam para a reta final. Esses materiais, no geral, eram mais diretos e com mais questões do que qualquer livro bom para concursos.

    Fui até a universidade e pedi o desligamento do mestrado. Fui no supermercado e comprei um estoque de mantimentos (nossa, parece paranóia de norte-americano; acho que estou exagerando, rs)... Disse pra minha namorada: "obrigado por desejar-me feliz aniversário, mas agora vamos ter que segurar as pontas e nos vermos a cada 15 dias".

    Comprei uma impressora LaserJet da HP por 150 reais. A melhor aquisição de todas. Comprei alguns cartuchos recicláveis e duas resmas de papel. Comecei a imprimir simulados. Eu mesmo os montava. Durante minha preparação, eu inventava questões de algumas matérias, principalmente de Dir. Tributário. Após o edital do ICMS, minha preparação em tributário foi apenas refazer todas as questões da Esaf e as que eu tinha elaborado, além de ler o CTN umas 2 ou 3 vezes. Eu tinha um professor de literatura na faculdade que dizia que, depois que ele leu (um poeta chamado) Gôngora, o Kafka parecia literatura infantil. Lembrei disso resolvendo minhas questões de tributário, que faziam as questões da ESAF de AFRF e AFTN parecerem literatura infantil.

    Imprimi as leis. E ia resumindo as leis no computador mesmo. Na última semana, eu tinha resumos não só das matérias, como também das leis. Na véspera da prova eu tava fazendo resumo do RICMS; eu pensei: "pra quê, se nunca mais vou ler isso?". Mas era a minha forma de aprender, resumindo. As duas resmas de papel foram consumidas nos 2 meses de edital (e olha que eu imprimia duas páginas por folha, frente e verso!!!). Devo ter lido nada menos que 5 mil páginas (entre impressos e na tela do computador) de resumos e questões; algumas dessas páginas ainda reli. Fiz umas 500 questões de Auditoria; eu tinha medo na P2, pq não estudei nada de Comercial, Civil e Penal.

    Legislação Tributária de SP, Contabilidade, Auditoria e Dir.Tributário (nesta ordem) foram as matérias que mais estudei.

    Meu mérito foi ter mantido o sangue frio (não sei como, rs). Não me perdi em aulas milagrosas, em aulas de reta final, nem lendo teoria, nem vendo muitos vídeos. Vi as aulas do Rosa e algumas aulas de Rac. Lógico e de Contabilidade, basicamente.

    Não estudei nada de estatística. Como na "casa que não tinha nada" do Vinicius de Moraes, não adiantaria nada ter um quadro (estudar estatística) se não havia parede pra pendurar (falta de tempo na P1). Estudei muito mat. financeira, mas na hora da prova fiquei nervoso com o pouco tempo e só resolvi 2 questões.

    Foquei na P3 e mantive essa estratégia. Até o edital, ainda não tinha lido o RICMS. Li a legislação toda (inclusive ITCMD, IPVA, PAT, taxas e legislação nacional do ICMS) umas 2 ou 3 vezes, mais os resumos. Na P3, errei apenas 6 questões (3 em Legislação e 3 em Contabilidade) e foi o que fez a diferença para que eu fizesse 266 pontos (79%, antes dos recursos). Terminei a P3 com 1h50, de tão ligado que eu estava; e nem consegui rever as questões, porque eu fiquei nervoso e com medo de algo dar errado com meu gabarito (trauma do MDIC, rs); então, passei o gabarito e saí correndo da sala, pensando que poderia ter sido o último gabarito sério que eu havia preenchido...


    ENCERRANDO

    Bom, eu tinha mais coisas pra falar, mas acho que me excedi, e já ficou tarde, e não sei se toda essa história interessa a alguém. Pelo menos, foi bom para mim rever um pouco dessa trajetória. Olhando agora, chego a duvidar que eu tive força pra estudar tanto em tão pouco tempo... Talvez seja muito exagero da minha parte, rs... Mas, como dizia Aristóteles, o que interessa não é a verdade, mas a verossimilhança. Minha trajetória talvez não seja tão diferente da maioria dos concurseiros; é por isso que, aqui no Fórum, o que escrevi é pelo menos verossímil...
  • Seu Madruga
    • 10/08/08
    • 512

    #2
    Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

    muito boa a história, sem gabarito.

    parabéns de novo. =D>

    Comentário

    • DaniPR
      • 16/06/09
      • 15

      #3
      Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

      Sem Gabarito,
      Parabéns pela aprovação...
      Esses "relatos" ajudam a pessoas que, como eu, bateram na trave do ICMS SP.
      Assim, nos anima a continuar firme no propósito, pois nossa hora um dia vai chegar!
      Também tenho um caso de amor com a Receita, o que acabou me atrapalhando um pouquinho para o ICMS SP, mas agora, depois de chorar muito, por ter quase chegado lá, resolvi retornar aos estudos!
      Sucesso para vc!

      Comentário

      • semgabarito
        • 31/07/08
        • 105

        #4
        Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

        Originally posted by Seu Madruga
        muito boa a história, sem gabarito.

        parabéns de novo. =D>
        Obrigado, Madruga!!! Parabéns pra vc tb!!!

        Como eu já te disse, suas dicas no grupo da RFB foram muito importantes na minha preparação também!!!

        Abraços!!!

        Comentário

        • semgabarito
          • 31/07/08
          • 105

          #5
          Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

          Originally posted by Karrie
          Legal demais o seu depoimento...

          Vc disse que tinha mais coisas pra falar...ai,fala sim!!!rsrs...
          Ao contrário de vc eu adoro textos de motivação,desde a adolescência eu recorro a auto-ajuda pra me motivar e conhecer um pouco mais das outras pessoas pra tentar aprender alguma coisa...pode ser porque eu sou filha única e desde os 14 anos moro a 1000 km dos meus pais (tive que sair de casa pra estudar já que lá não há escolas boas),então sempre foi eu comigo mesma,tendo que me virar e dar um jeito de entender "o mundo" de alguma forma.

          Com pessoas como vc dá pra aprender muito sim!!!

          Abração
          Oi, Karrie, obrigado pelas suas palavras!!!

          Isso da motivação varia muito de pessoa pra pessoa.

          Pela sua história, a maior força está em vc mesma (olha eu fazendo auto-ajuda, rs)...

          beijo!

          Comentário

          • semgabarito
            • 31/07/08
            • 105

            #6
            Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

            Originally posted by DaniPR
            Sem Gabarito,
            Parabéns pela aprovação...
            Esses "relatos" ajudam a pessoas que, como eu, bateram na trave do ICMS SP.
            Assim, nos anima a continuar firme no propósito, pois nossa hora um dia vai chegar!
            Também tenho um caso de amor com a Receita, o que acabou me atrapalhando um pouquinho para o ICMS SP, mas agora, depois de chorar muito, por ter quase chegado lá, resolvi retornar aos estudos!
            Sucesso para vc!

            Dani, obrigado pelas palavras...

            Faz bem em não abaixar a cabeça, pois tua aprovação está mais perto agora...

            Abraços!!!

            Comentário

            • arkadya
              • 20/06/07
              • 24

              #7
              Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

              Sem Gabarito parabens,
              adoro ler textos como o seu, achei muito legal a sua "linha do tempo".
              Fiquei curiosa e gostaria que vc explicasse melhor sobre essse bco de questões. Vc imprimia todas as provas, usava algum serviço de busca na web. Eu tenho tremenda dificuldade com isso porque não consigo me organizar. Acabo nunca encontrando o que preciso qdo quero...

              Comentário

              • semgabarito
                • 31/07/08
                • 105

                #8
                Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                Originally posted by arkadya
                Sem Gabarito parabens,
                adoro ler textos como o seu, achei muito legal a sua "linha do tempo".
                Fiquei curiosa e gostaria que vc explicasse melhor sobre essse bco de questões. Vc imprimia todas as provas, usava algum serviço de busca na web. Eu tenho tremenda dificuldade com isso porque não consigo me organizar. Acabo nunca encontrando o que preciso qdo quero...
                Oi, Arkadya (é a dos clássicos?)...

                Não usei o Superprovas nem nada. Eu fazia livros de questões. Quando eu achava uma questão interessante no livro, entrava no google e fazia uma procura aspeada (digitando um trecho da pergunta). Aí, eu copiava a questão para um arquivo DOC, um DOC para cada matéria. Uma boa pedida também é obter essas questões no site do Adinoel ou em PDFs do Ponto ou de outros lugares na internet. Quando o PDF estava bloqueado para cópia, eu destravava, usando essa ferramenta: http://www.ensode.net/ensode/pdf-crack. ... 631ad7d4af.

                Depois do edital, eu ia mesclando as questões, formando um simulado. Deixava pra fazer os simulados à noite, quando eu estava mais cansado. De dia, eu lia as leis e os resumos, basicamente. Entre o edital e a prova, devo ter feito umas 5 mil questões. Mas o importante é fazer as questões certas. Eu praticamente não fiz questão de contabilidade, porque, na parte Geral, eu já estava bom, e na parte específica, era tudo novidade (resoluções CFC), sem questões de provas anteriores. É preciso também pular as questões que, de alguma forma, fujam do edital. Em informática, meu maior banco de questões era da ESAF; como o conteúdo do ICMS-SP foi foi bem diferente das provas de AFRFB, eu ia pulando.

                Meu banco era tão grande que, mesmo resolvendo umas 5000 questões, não resolvi nem metade do que fui garimpando durante minha preparação. Eu pensava o seguinte: é preciso ter medo do período pós-edital. Era uma precaução. Por isso, eu pensava: tenho q chegar inteiro para esse período, sabendo o mais importante da teoria, e com resumos e banco de questões melhores e mais objetivos do que qualquer bom livro de concurso, para não ter que ler livro de teoria no período pós edital. Eu tinha um resumo de auditoria que sintetizava em 100 páginas o melhor dos livros para concurso, e ia além, pq eu também resumia as resoluções.

                Quando saiu o edital, não tive q correr através de material. Bastou abrir minha caixa de ferrramentas, rs...

                Me passa teu e-mail q mando essas questões pra vc... Só não garanto quando, pq estou no meio de um curso de formação e estou pra entrar em outro (ICMS-SP) logo-logo. Mas fica a promessa de, até o final do ano, organizar isso tudo e te mandar...

                Abraços!!!

                Comentário

                • LucianoSP
                  • 16/04/08
                  • 78

                  #9
                  Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                  Bom...este é o cara! Como sempre, colocações precisas...

                  Achei interessante que vc, apesar de ter uma formação em Humanas, estudou com uma objetividade típica de quem fez Exatas hehehe...

                  E essa provinha meia-boca de hoje hein? é as 14 né?

                  Abraços

                  Comentário

                  • semgabarito
                    • 31/07/08
                    • 105

                    #10
                    Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                    Originally posted by LucianoSP
                    Bom...este é o cara! Como sempre, colocações precisas...

                    Achei interessante que vc, apesar de ter uma formação em Humanas, estudou com uma objetividade típica de quem fez Exatas hehehe...

                    E essa provinha meia-boca de hoje hein? é as 14 né?

                    Abraços
                    heheeh..

                    é às 14h sim, Luciano... Acho q hoje vc desiste, ainda mais com essa chuvinha, rs...

                    Essas apostilas são intragáveis, por isso prefiro ficar aqui no Fórum, rs...

                    Grande abraço, camarada!!!

                    Comentário

                    • jed_mo
                      • 11/07/08
                      • 1225

                      #11
                      Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                      [quote=" color=#0000FF] a partir de 2009 tive contato pela primeira vez com matérias como: ICMS, Auditoria, Rac.Lógico, Custos, Análise de Balanços, Resoluções do CFC, DVA/DFC etc.[/color]

                      verdadeiramente gênio

                      Comentário

                      • semgabarito
                        • 31/07/08
                        • 105

                        #12
                        Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                        Originally posted by jed_mo
                        [
                        Jed_Mo, pode parecer muita coisa, mas vc tem que ver que eu praticamente não precisei mais estudar (pelo menos não muito) as básicas. Em 2008, tentei estudar DFC e DVA, mas não ia. Então, eu me aprofundava na parte geral. Em 2009, vi que não dava mais pra adiar, e então fui aprender essas demonstrações.

                        Além dessas acima q vc citou, eu continuava vendo algumas matérias importantes da RFB, inclusive Economia. Também dei sorte pq não estudei microeconomia.

                        Ah, e vi também Administração só em 2009, mas só depois do edital (Lacombe e resumo do Antares aqui do Fórum). O que eu não estudei em 2009 foi Comex, Previ e Estatística. O resto, eu estudava sim, ainda que poucas horas. Tirando ICMS e resoluções do CFC, e talvez Auditoria, o conteúdo do resto não é muito extenso. E ICMS eu só fui me aprofundar mesmo depois do edital.

                        Além disso, eu usava alguns concursos como muleta. No APOFP-SP 2009, eu pensei: vou aproveitar esse concurso pra aprender Rac. Lógico e Auditoria. No MDIC 2008, eu ralei de estudar Comex e Economia. Então, eu dava um gás em uma ou duas matérias de cada concurso, já vislumbrando um próximo.

                        Uma vez li um livro sobre propaganda eleitoral. O cara tinha uma tese do "crescendo". Isto é, a campanha eleitoral tinha que atingir o ápice a 15 dias do pleito. Se atingisse no começo do período eleitoral (90 dias antes do pleito), ia definhar. Eu levei isso pro concurso. Não adiantava eu me matar de estudar todas as 6h livres diárias que eu tinha, pq eu ia chegar quebrado no pós-edital. Do edital em diante, passei a estudar umas 10h por dia (considerando que consegui as 3 semanas finais de recesso do trabalho).

                        Um dia eu estava vendo uma maratona e pensei: se os caras conseguem correr acima de 40km/h no trecho final, pq não dão esse sprint já na largada? Qual seria a diferença de dar um sprint no começo ou no fim? Alguns minutos depois, caiu a ficha (deu pra ver q eu não entendi nada de atletismo): se derem o sprint na largada, não terão perna pra correr o resto do percurso; se derem na reta final, depois podem descansar, ainda que seja num hospital, rs... Essa tese do sprint tem relação com a do "crescendo" do cara da propaganda eleitoral.

                        Grande abraço!

                        Comentário

                        • vampira
                          • 25/11/06
                          • 205

                          #13
                          Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                          Muito bom seu depoimento =D>

                          Comentário

                          • Roger75
                            • 19/04/08
                            • 1491

                            #14
                            Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                            Parabéns! É sempre interessante ver as dificuldades e superações que as pessoas tiveram em suas preparações.
                            Vendo estes depoimentos me dá até vontade de largar o emprego para me dedicar integralmente nos estudos...

                            Comentário

                            • semgabarito
                              • 31/07/08
                              • 105

                              #15
                              Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                              Oi, Vampira e Roger...

                              Obrigado pela mensagem.

                              Com certeza, vcs foram duas referências para mim aqui no Fórum.

                              Roger, minha sorte foi que, como eu tinha licenciatura, tinha a chance de poder fazer minha carga horária. Então, exonerei de um antigo cargo de tempo integral para dar aulas eventual e precariamente no final de 2008 em uma faculdade; no começo de 2009, fui aprovado pra professor em Campinas, e aí pude continuar trabalhando meio período, com uma segurança um pouco maior. Infelizmente, trabalho de meio período por aí ou é raro ou esgota mais q trabalho integral. Entao, uma opção pode ser fazer uma reserva para se garantir por algum tempo...

                              Abraços pra vcs!!!

                              Comentário

                              • Big Bahia
                                • 20/03/08
                                • 1276

                                #16
                                Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                Parabéns pelo resultado!
                                Abraços.

                                Comentário

                                • andrelkb
                                  • 02/04/09
                                  • 20

                                  #17
                                  Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                  Boa!

                                  Minha história foi bem parecida com a sua em vários pontos!


                                  Parabéns pela aprovação e pela ótima nota!


                                  Abraço!

                                  Comentário

                                  • [gibo]
                                    • 05/11/08
                                    • 1222

                                    #18
                                    Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                    parabéns pela aprovação!
                                    eis mais um vencedor
                                    todos os depoimentos dos aprovados será de grande valia para nós

                                    Comentário

                                    • ayanna
                                      • 18/06/09
                                      • 8

                                      #19
                                      Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                      Tb tenho a maior dificuldade de me organizar com relação a esta coisa de compilar qestões....embora ache isto super importante. Se não for pedir demais se der tb me envie o seu bco de questóes. Te mando meu meu email por MP.
                                      Parabéns pela sua aprovação e pela sua generosidade em dividir conosco sua trajetória e experiência adquirida nesta vida concurseira!
                                      Sucessos! Vc merece!!!!!


                                      Originally posted by semgabarito
                                      Originally posted by arkadya
                                      Sem Gabarito parabens,
                                      adoro ler textos como o seu, achei muito legal a sua "linha do tempo".
                                      Fiquei curiosa e gostaria que vc explicasse melhor sobre essse bco de questões. Vc imprimia todas as provas, usava algum serviço de busca na web. Eu tenho tremenda dificuldade com isso porque não consigo me organizar. Acabo nunca encontrando o que preciso qdo quero...
                                      Oi, Arkadya (é a dos clássicos?)...

                                      Não usei o Superprovas nem nada. Eu fazia livros de questões. Quando eu achava uma questão interessante no livro, entrava no google e fazia uma procura aspeada (digitando um trecho da pergunta). Aí, eu copiava a questão para um arquivo DOC, um DOC para cada matéria. Uma boa pedida também é obter essas questões no site do Adinoel ou em PDFs do Ponto ou de outros lugares na internet. Quando o PDF estava bloqueado para cópia, eu destravava, usando essa ferramenta: http://www.ensode.net/ensode/pdf-crack. ... 631ad7d4af.

                                      Depois do edital, eu ia mesclando as questões, formando um simulado. Deixava pra fazer os simulados à noite, quando eu estava mais cansado. De dia, eu lia as leis e os resumos, basicamente. Entre o edital e a prova, devo ter feito umas 5 mil questões. Mas o importante é fazer as questões certas. Eu praticamente não fiz questão de contabilidade, porque, na parte Geral, eu já estava bom, e na parte específica, era tudo novidade (resoluções CFC), sem questões de provas anteriores. É preciso também pular as questões que, de alguma forma, fujam do edital. Em informática, meu maior banco de questões era da ESAF; como o conteúdo do ICMS-SP foi foi bem diferente das provas de AFRFB, eu ia pulando.

                                      Meu banco era tão grande que, mesmo resolvendo umas 5000 questões, não resolvi nem metade do que fui garimpando durante minha preparação. Eu pensava o seguinte: é preciso ter medo do período pós-edital. Era uma precaução. Por isso, eu pensava: tenho q chegar inteiro para esse período, sabendo o mais importante da teoria, e com resumos e banco de questões melhores e mais objetivos do que qualquer bom livro de concurso, para não ter que ler livro de teoria no período pós edital. Eu tinha um resumo de auditoria que sintetizava em 100 páginas o melhor dos livros para concurso, e ia além, pq eu também resumia as resoluções.

                                      Quando saiu o edital, não tive q correr através de material. Bastou abrir minha caixa de ferrramentas, rs...

                                      Me passa teu e-mail q mando essas questões pra vc... Só não garanto quando, pq estou no meio de um curso de formação e estou pra entrar em outro (ICMS-SP) logo-logo. Mas fica a promessa de, até o final do ano, organizar isso tudo e te mandar...

                                      Abraços!!!

                                      Comentário

                                      • Zimmermann10
                                        • 27/11/07
                                        • 8

                                        #20
                                        Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                        Obrigado pelo seu depoimento.Fico te devendo!

                                        Comentário

                                        • semgabarito
                                          • 31/07/08
                                          • 105

                                          #21
                                          Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                          Galera, valeu mesmo pelas mensagens...

                                          Achei q o texto não ia ser lido por muita gente e achei q eu pudesse ser visto como arrogante, até por isso tentei brincar um pouco no texto. Agora, vendo que tem tanta no mesmo barco, fico feliz por ter servido de ajuda para alguém... Mas, é aquela coisa: cada um tem sua trajetória e adaptamos as dicas dos outros à nossa maneira...

                                          Abraços!!!!

                                          Comentário

                                          • Mabbud
                                            • 27/02/09
                                            • 308

                                            #22
                                            Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                            Muito bom esse depoimento. É incrível ver do que as pessoas são capazes quanto fixam um objetivo e tem força para ultrapassar todos os obstáculos por mais difícil que sejam!
                                            Vc esta de parabéns não só pela sua aprovação... mas tb pela pessoa fantástica que vc é! Desejo a vc toda sorte desse mundo em todas as instâncias da sua vida!!! De azar já basta o MDIC.... hehe

                                            E se prepara pq daqui há 3 anos vc, o Luciano, Guilherme, Diego e etc poderão dar um trote nos pobres mortais que ficaram pelo caminho! rsrs. Neste curso de APOF conheci muitas pessoas que realmente valem a pena!!!

                                            Chegaremos lá...

                                            Abrçs...

                                            Comentário

                                            • LucianoSP
                                              • 16/04/08
                                              • 78

                                              #23
                                              Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                              Ah...mas vou dar trote mesmo....

                                              E tem mais: vou beber Blue Label até cair lá no bar Brahma por conta de vcs hehehe...

                                              Essa história do Paulão no MDIC foi phodda mesmo...inspirou até o nick dele...agora dá pra dar risada, mas na época deve ter sido o cão...

                                              Realmente, a melhor parte desse CF são as pessoas...aliás, sinceramente (já havia dito isso hoje lá), se não fosse o ótimo ambiente e as amizades que fiz, já teria saido de lá, pq o curso em si vcs sabem né....

                                              Grande Abraço


                                              Originally posted by Mabbud
                                              Muito bom esse depoimento. É incrível ver do que as pessoas são capazes quanto fixam um objetivo e tem força para ultrapassar todos os obstáculos por mais difícil que sejam!
                                              Vc esta de parabéns não só pela sua aprovação... mas tb pela pessoa fantástica que vc é! Desejo a vc toda sorte desse mundo em todas as instâncias da sua vida!!! De azar já basta o MDIC.... hehe

                                              E se prepara pq daqui há 3 anos vc, o Luciano, Guilherme, Diego e etc poderão dar um trote nos pobres mortais que ficaram pelo caminho! rsrs. Neste curso de APOF conheci muitas pessoas que realmente valem a pena!!!

                                              Chegaremos lá...

                                              Abrçs...

                                              Comentário

                                              • Guest's Avatar
                                                Guest

                                                #24
                                                Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                                Gostei da evolução - Pré História - Período Feudal - Revolução Industrial - Conquista Espacial e Chegando em Marte, hahah.

                                                Parabéns.

                                                Comentário

                                                • Jeffersow
                                                  • 03/09/09
                                                  • 5

                                                  #25
                                                  Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                                  cara, meus parabéns pela sua aprovação e pelo seu relato. Sou novato no ramos dos concursos (a uns 4 meses no máximo) e ja percebi o quão é dificil ser concurseiro, farei uma prova daqui a 2 meses concorrendo a um cargo de nível médio ainda (1º passo.. rsrs) mas pretendo subir... tenho que estudar regimento interno e Código de Defesa do Consumidor, se puder dar umas dicas de como estudou as Leis eu agradeço.

                                                  Sucesso pra vc camarada, me cadastrei so agora no site, mas venho acompanhando depoimentos por aqui a um mês aproximadamente e vcs nao sabem o quanto isso nos motiva ! Abração

                                                  Comentário

                                                  • Toc
                                                    • 25/11/06
                                                    • 35

                                                    #26
                                                    Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                                    "Achei q o texto não ia ser lido por muita gente" .. vc é que pensa! Mais um passando pra te dar os PARABÉNS e agradecer pelo belo depoimento!

                                                    abs!

                                                    Comentário

                                                    • semgabarito
                                                      • 31/07/08
                                                      • 105

                                                      #27
                                                      Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                                      Galera, obrigado pelas palavras de vcs...

                                                      Pra estudar leis, eu usava várias estratégias, tem que ver qual servirá pra lei q vc vai estudar:

                                                      - CTN: tinha o CTN em áudio; às vezes eu punha o livro segundo pra tocar e ia lendo junto. Tem também a CF em áudio, eu fazia a mesma coisa nos arts.146 e seguintes (acho q eh isso; é o Sistema Tributário Nacional). Resultado: com cerca de 1h30 praticamente toda semana eu revisava quase todo o conteúdo de Tributário. Depois q li teoria de tributário, nem voltava mais a ler os livros; só fazia questões e adotava a estratégia acima.

                                                      - Para alguns artigos importantes da lei eu tentava fazer esquemas (mapas mentais, dizem), ou um resumo logo abaixo do artigo.

                                                      - QUando a lei era grande, eu a resumia. Fiz isso com toda a legislação do ICMS. Na última semana, eu tinha praticamente todo o conteúdo da prova de ICMS em 100 páginas. Nem sempre dá pra fazer um resumo muito pequeno e só mapas mentais. O bom do resumo é que a lei fica com sua dicção. Mas isso é pra quem tem mais tempo até a data da prova.

                                                      - Não gostava de usar o TEXT-ALOUD e programas similares que gravam em MP3 um conteúdo escrito. A voz ficava robótica e sem a prosódia necessária à memorização.

                                                      - Antes de ler a lei seca, tentar encontrar um livro ou resumo ou comentário sobre o que há de mais importante na lei. Depois q vc descobrir o modus operandi da lei, pode até descartar os comentaristas, pq os comentários virão imediatamente na cabeça.

                                                      Comentário

                                                      • Guest's Avatar
                                                        Guest

                                                        #28
                                                        Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                                        Diferentemente de ti, eu amo depoimentos...

                                                        Sempre tiramos algo de bom deles...

                                                        Não consegui ler de todos os colegas ainda, mas por eqto todos estão de parabéns..

                                                        Vc é um dos aprovados que eu considero como "exceções" (apenas 1 ano e 10 meses de estudo), mas mesmo assim teu depoimento agregou muito...

                                                        Parabéns e muito sucesso nessa nova vida!!!!

                                                        Comentário

                                                        • fiscalpe
                                                          • 09/10/08
                                                          • 11

                                                          #29
                                                          Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                                          tambem adoro ler os depoimentos de pessoas que passaram. esses depoimentos me fazem criar forças para nao desanimar

                                                          Comentário

                                                          • semgabarito
                                                            • 31/07/08
                                                            • 105

                                                            #30
                                                            Re: Relato sobre aprovação - ICMS-SP 2009

                                                            Originally posted by Cristal
                                                            Diferentemente de ti, eu amo depoimentos...

                                                            Sempre tiramos algo de bom deles...

                                                            Não consegui ler de todos os colegas ainda, mas por eqto todos estão de parabéns..

                                                            Vc é um dos aprovados que eu considero como "exceções" (apenas 1 ano e 10 meses de estudo), mas mesmo assim teu depoimento agregou muito...

                                                            Parabéns e muito sucesso nessa nova vida!!!!

                                                            Valeu, Cristal, muito obrigado pela mensagem...

                                                            beijos!

                                                            Comentário


                                                            Working...
                                                            X