Announcement

Collapse
No announcement yet.

1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

Collapse
X
  • Filter
  • Hora
  • Mostrar
Limpar tudo
new posts
  • jumigowski
    • 24/05/11
    • 86

    1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

    1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

    “Eu faço da dificuldade a minha motivação
    A volta por cima, vem na continuação.
    O que se leva dessa vida é o que se vive, é o que se faz”


    Perfil
    Nome: Juliana Migowski
    Nascimento: 22/01/1988
    Naturalidade: Rio de Janeiro
    Formação: Jornalismo UFRJ 2008
    Facebook: /juliana.migowski

    Cargo atual: Auditora Fiscal da Receita Estadual do Rio de Janeiro


    Aprovações: Auditor Fiscal do RJ 2014 - 1ª colocação / Agente Executivo CVM 2010 – 1ª colocação / Técnico Assistente de Procuradoria PGE-RJ 2009 – 5ª colocação.


    Amigo concurseiro,

    Busquei inspiração em diversos depoimentos como este. Por isso, acho justo compartilhar com vocês um pouco da minha experiência rumo à aprovação na SEFAZ-RJ. Tenha em mente, contudo, que inspiração é bem diferente de cópia. É preciso adaptar o método de estudo à história e perfil de cada um.

    Estou à disposição para ajudá-los no que for possível. Fiquem à vontade para entrar em contato! Contudo, aviso desde já que não compartilho material.

    Contrariando minha formação jornalística, peço licença para escrever um texto sem muita objetividade. Se preferir, pule para "os finalmentes".

    “Você não sabe o quanto eu caminhei (...)”

    Ao contrário da maioria de meus colegas aprovados no concurso para Auditor Fiscal do RJ 2014, não estudei em instituições militares ou cursei Engenharia. Estudei Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, na UFRJ, entre 2005 e 2008. Fiz vestibular aos 16 anos, em 2004. Fiquei em 1º lugar em Jornalismo na UERJ, 2º lugar em Comunicação Social na UFRJ (8º lugar geral de todos os cursos), 8º lugar em Direito na UFF. Minhas maiores notas nas provas da UFRJ foram nas matérias não específicas, como Matemática, Física e Química. Depois disso, não tive mais contato com as matérias de exatas até iniciar os estudos para Auditor Fiscal do RJ em 2011.

    Esses resultados foram, sem dúvida, essenciais para me dar uma certa dose de confiança quando anos mais tarde iniciaria minha “carreira” como concurseira. Não passei a me achar muito inteligente. Não acho, de forma alguma, que tenho uma inteligência acima da média. Acho mesmo que quem me conhece no dia a dia sem saber dos meus sucessos em provas de concurso deve me achar meio “burrinha” ou “lesada” (rs). É que tendo a ser bastante distraída, esquecida e inocente demais a ponto de acreditar em qualquer absurdo que me contam a título de pegadinha. Mas esses resultados no vestibular mostraram a mim uma verdade que pertence a todos nós, seres humanos sadios. Somos capazes de muito mais do que imaginamos, podemos sempre ultrapassar nossos próprios limites e ir além. E como isso que estou te falando pode te servir para alguma coisa? Sugiro que você busque ampliar sua autoconfiança. Sem ela você não vai muito longe. Um “burrinho” autoconfiante chega mais longe que um espertinho que não confia em si próprio. Se ela anda muito baixa, você pode começar traçando objetivos mais fáceis e de curto prazo, pois as vitórias que virão te darão força para as metas mais ambiciosas.

    Além de autoconfiança, motivação forte e direcionada impulsiona rumo aos objetivos desejados. E aí cada um deve buscar fazer de “todas as dificuldades a sua motivação”.

    “(...) Eu não nasci pra perder
    Nem vou sobrar de vítima
    Das circunstâncias(...)”


    Enfim, se você tem um emprego que odeia, não fique reclamando que chega em casa estressado. Lembre-se do seu desejo de ter uma vida diferente na hora em que estiver cansado, tome um café e estude um pouco mais. Se está sem trabalhar e não aguenta mais depender dos outros, está aí o que deve te dar força.

    Sempre fui uma boa aluna e estudava em uma escola particular voltada para o vestibular na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro, mas em função de problemas familiares ficamos com dificuldades para continuar pagando as mensalidades. Não passamos fome graças à generosidade de almas boas. Perdi muitas aulas por conta de uma doença, não tínhamos grana nem para os remédios. Lia livros emprestados de amigos ou da biblioteca do bairro. Com a ajuda de algumas pessoas da família e bolsa de estudos parcial consegui cursar o último ano em uma boa escola. Agarrei a oportunidade com unhas e dentes e estudei o máximo que consegui. O resultado do esforço veio com as boas classificações no vestibular. Hoje consigo perceber que toda aquela dificuldade me tornou uma menina mais forte e determinada e levo isso para o resto da vida.

    Enfim, cursei a tão sonhada faculdade. Mas, como o sonho nem sempre corresponde à realidade, concluí o curso bastante desiludida depois de um ano de estágio no maior jornal do Rio de Janeiro. Como precisava de grana, assim que me formei comecei a trabalhar em uma empresa de Assessoria de Comunicação. Não gostava daquele trabalho. Quanto mais eu o odiava, mais eu estudava. Era o começo de 2009 e eu havia decidido prestar qualquer concurso público para poder recomeçar a vida em um trabalho mais tranquilo. Iria fazer vestibular de novo, planejava fazer faculdade de Direito para ter opções de bons concursos. Não conhecia a carreira fiscal. Em cerca de 3 meses de estudo, sem nunca antes ter estudado absolutamente nada de Direito Constitucional, Administrativo e Processo Civil, consegui ser classificada no concurso para Técnico Assistente de Procuradoria da PGE-RJ em 5º lugar. Eu saía da empresa por volta das 19h30 e chegava em casa às 21h, “morta com farofa”, mas nunca acreditei que não passaria. Estudava no caminho, de madrugada, no final de semana. Claro que o nível de exigência do concurso não era muito alto, mas como todo concurso para cargos de nível médio, a concorrência foi bastante alta.

    Já trabalhando na PGE-RJ, prestei vestibular para Direito e fui aprovada na UERJ. Em 2010 iniciei o curso, trabalhava durante o dia e à noite rumava para a faculdade. Morava sozinha e tentava conciliar trabalho / faculdade / tarefas domésticas com o estudo para outros concursos que pagassem um pouco melhor, como Bacen e MPU, mas obviamente estava difícil dar conta de tudo e não tive sucesso. Como não ia dar para esperar a conclusão do curso para conseguir um salário melhor, deixei a faculdade um pouco de lado no final do segundo semestre de 2010 e me dediquei ao concurso para Agente Executivo da CVM. Era também um cargo de nível médio, mas com remuneração melhor. Na época ainda tinha a “motivação extra” de ter sido transferida dentro da PGE-RJ para executar tarefas de Assessoria de Comunicação, aquilo que eu “amava” fazer! As provas foram em dezembro de 2010 e por ter focado bastante nesse concurso obtive a primeira colocação.

    Naquele momento eu já estava exausta da vida de trabalhadora e concurseira e não conseguia imaginar mais 4 anos de faculdade à noite para só depois ter a chance de prestar concursos de nível superior. Pesquisei e descobri que existia a área fiscal. Logo decidi que focaria no ICMS-RJ, pois meu companheiro não poderia me acompanhar na mudança para outro Estado.

    “Anote tudo que puder, anote tudo que vê
    Não se sabe o que sucede, o que pode acontecer...
    Detalhes fazem, fazem diferença
    Detalhes fazem toda a diferença”


    Assim, no início de 2011 estava eu esquentando a bunda na cadeira do Gabarito em aulas de Contabilidade e Matemática Financeira. Não prestei o concurso de 2011 para a SEFAZ-RJ porque mal tinha começado a ter contato com as primeiras matérias da área fiscal. Mas estava animada com os boatos de que logo viria outro certame. Ah, ainda bem que eu não tinha bola de cristal para saber que demoraria taaaannnto a sair outro concurso, pois aí minha motivação iria por água abaixo.

    Não cheguei a fazer turma de básico fiscal. Achei que demoraria muito e a grana estava apertada. Decidi que matérias de Direito estudaria sozinha e as de exatas buscaria aulas presenciais ou vídeo aulas.

    Meu caminho foi longo, estudei por várias fontes, várias vezes. Mas não acho que precisa ser assim. Com bons materiais e disciplina, acredito que seja possível chegar ao nível de aprovação em cerca de um ano. Pensando na forma como comecei a estudar, talvez a demora do concurso tenha sido boa pra mim.

    Quando digo “chegar ao nível de aprovação” quero dizer estar pronto para passar e isso não significa, necessariamente, passar de imediato. Duvide de quem diz que os fatores sorte e emocional não contam! Você pode estar pronto, mas se sua “estrela não brilhar” no dia da prova, já era. Nunca duvidei que passaria, só não sabia quando, ninguém pode saber! Num concurso em que apenas 24 candidatos conseguiram ser aprovados não há como não perceber que muita gente boa e preparada ficou de fora. Por isso é preciso equilibrar autoconfiança com HUMILDADE.

    Com tantas matérias pela frente, fique certo de que sempre terá muito a aprender. E até passar você deve estudar o máximo possível, pois se é impossível saber tudo, tentemos abarcar o que dá. Num concurso como o do ICMS-RJ em que há mínimos por matérias e por provas, jamais abra mão de se dedicar a alguma disciplina com a ideia de se garantir em outra! Lembro de ter ouvido diversas vezes no cursinho pessoas dizendo que nem estudavam Estatística e que se garantiriam em Matemática Financeira e Raciocínio Lógico (as três matérias faziam parte de um mesmo grupo no qual era preciso acertar pelo menos 50% das questões). Essas pessoas com certeza se estreparam neste concurso, pois as questões de Matemática Financeira, embora relativamente fáceis, exigiam muitas contas e simplesmente não dava tempo de resolvê-las todas e garantir os mínimos no resto da prova. Já Estatística, para quem estava treinado, estava mais rápido de resolver. Sendo assim, meu conselho é: não negligencie nada! Obviamente que todos temos que administrar o tempo ao longo da nossa preparação para concursos e elegemos prioridades, mas em provas desses tipo escolha ser mediano em todas as matérias antes de querer ser excelente em algumas.

    E como administrar esse tempo? Cada um tem uma fórmula e, como não sou da área de exatas, não sou muito precisa nessa conta. Usei muito da minha sensibilidade e a cada dia buscava avaliar onde estava e o que ainda precisava avançar em cada matéria. Não usei muitas planilhas por conta disso, mas sei que muita gente se perde se não tiver tudo milimetricamente planejado e cronometrado. Logo, se este é o seu perfil, use e abuse do Excel. Muitos concurseiros bem-sucedidos compartilham na web seus arquivos de organização de estudos. Mas lembre-se de fazer as devidas adaptações.


    Assim, até meados de 2012 havia feito apenas as turmas mencionadas acima de aula presencial. De resto estudava por pdfs e livros. Estatística fiz com o professor Carlos Henrique (maravilhoso!) no Canal dos Concursos. Em outubro de 2011 havia trocado a PGE-RJ pela CVM e continuava a dividir a vida entre trabalho, estudos e afazeres domésticos. Tranquei a faculdade de Direito para me dedicar ao Fisco. Não era fácil. Tinha horários rígidos na CVM, chegava em casa tarde. Mas tentava estudar todos os dias, cerca de 3h, 4h por dia. Costumava fazer o trajeto Ilha / Centro de barca, uma barca muito pior e mais lenta que a de Niterói (acredite!), e aproveitava esse tempo de deslocamento para estudar. Por vezes chegava mais cedo no Centro e ia para biblioteca estudar antes do expediente. Passei muito sábado e domingo de Sol estudando em Casa (sem ar condicionado! rs). Na época eram muitos os boatos de que logo sairia o edital (eta boato mais equivocado! rs) e eu estava desesperada para resolver logo minha vida e me aposentar da “carreira” de concurseira. Já havia estudado praticamente todas as matérias, mas estava sem muito método, ficava muito tempo sem revisar determinadas matérias e esquecia quase tudo. Não me sentia segura, enfim. Sem nem pensar muito e sem olhar pra trás, larguei tudo, pedi exoneração e me enfurnei em casa para me dedicar exclusivamente para esse concurso. Comecei a trabalhar quando tinha 17 anos, no segundo período da faculdade, e não havia parado desde então. Por isso me senti muito privilegiada pela oportunidade de poder focar nos estudos e tentei valorizá-la ao máximo.


    Não fiz nenhuma outra provinha de concurso, não fazia cursos presenciais, se não fosse o FC eu me acharia o único ser humano estudando para esse concurso na face da Terra! Não sei se me arrependo de não ter tentando outras provas, eu realmente não queria sair do Rio, mas acho que esse isolamento todo não me ajudava a ter ritmo de estudo. Algumas pessoas que trabalham sonham em poder apenas estudar, mas quando entram de férias veem que o dia escorre pelas mãos se não houver muito controle. E eu sentia as horas correndo alucinadamente! Perdia-me em tarefas domésticas e em atividades na Casa Espiritual que frequentava.

    Em junho de 2013 comecei a fazer simulados no Gabarito e a partir daí dei uma guinada total! Lembro que cheguei em casa depois do primeiro simulado e passei muito mal! Fiquei muita nervosa, pois meu desempenho ficou muito aquém do que eu esperava considerando o tempo que já estudava para essa prova.

    Passei a me organizar melhor, estudando de três a quatro matérias por dia. Nessa época cheguei ao auge das horas de estudo, cerca de 12 horas líquidas por dia! Estudei desesperada e alucinadamente, parei todo o resto! Nada de atividade física, diminuí as atividades na Casa Espiritual, menos ainda do que já tinha de vida social e atividades domésticas ficaram bastante de lado. A cada simulado meu desempenho melhorava e fui me acalmando. Na reta final acho que as horas de estudo ficaram em torno de 8 horas por dia.

    No segundo semestre de 2013, cansada de tanto esperar o bendito edital e quase sucumbindo, me inscrevi no concurso da Ancine, mas sem ter focado nele e com o edital para a SEFAZ finalmente sendo publicado antes da prova para a Agência, não tive sequer minha redação corrigida.

    Os “finalmentes”

    Eu não fui a “rainha” do método de estudo, mas certamente teria desperdiçado menos energia se tivesse sido mais organizada desde o início. É preciso dedicar um tempo para planejamento e organização antes de botar a mão na massa. Na seleção dos materiais, acho melhor escolher um único bom material de cada disciplina e revisá-lo várias vezes a se perder entre vários materiais de uma mesma matéria. E o que é um bom material? Aquele que você tem facilidade e prazer de estudar e que te oferece um conteúdo completo, mas não prolixo – ou seja, sem enrolação! Quanto mais resumido – sem ser superficial – e esquematizado, melhor. Assim, você ganha tempo e absorve o conteúdo mais facilmente.

    Fiz algumas turmas de exercícios e usei a ferramenta do Tec Concursos. É impressionante como as questões tendem a se repetir e quanto mais você se exercita, mais agilidade ganha na prova. É preciso treinar em casa de olho no relógio, aprender a fazer leitura dinâmica selecionando palavras-chave e buscar macetes que agilizem as questões de contas. Se tiver tempo, até faça resumos, mas recomendo que não os faça no início do estudo de cada matéria, pois você terá dificuldade de fazer um resumo realmente objetivo, perderá muito tempo, será pouco eficiente e eficaz. Se conseguir um material que já tenha muitos esquemas e resumos, vai ajudar muito! Uma alternativa é ir sublinhando e fazendo pequenas anotações nos materiais quando fizerem as primeiras leituras para ganhar tempo na revisão.

    Minha trajetória foi cheia de altos e baixos e muito influenciada pelas histórias loucas que eu ouvia por aí – como a de pessoas que supostamente estudavam 16 horas por dia. Aconselho que busquem seguir uma rotina equilibrada, com planejamento e organização. Seja qual for o seu método, faça minimamente um planejamento mensal, semanal e diário. Faça uma avaliação do seu rendimento ao final de cada dia. Revise sempre as matérias que já estudou para não ter que recomeçar do zero como eu tive que praticamente fazer algumas vezes.

    Não adianta achar que dá para passar num concurso desses fazendo tudo o que faziam antes. É realmente preciso fazer muitas renúncias e sacrifícios. Mas não eliminem totalmente o lazer e principalmente o contato com aquelas pessoas que te fazem bem. Recarregue as energias, se possível faça uma atividade física ao menos três vezes por semana, pelo menos 30 minutos, para oxigenar a mente e descarregar as tensões. Yoga é uma boa pedida! Não exagerem muito num dia, abdicando das horas de sono necessárias, pois no dia seguinte o rendimento não será bom. Lembre-se sempre de que o concurso público é apenas um meio para uma vida melhor, não um fim em si mesmo. Ninguém será feliz eternamente porque ocupa um determinado cargo.

    Na hora da prova

    Nos dias que antecederam às provas eu sabia que não faria milagres e o trabalho (longo e árduo) estava feito. Tinha em mente que precisava manter a calma e a serenidade. Diminui o ritmo de estudo, dormia bem. Fui com a tranquilidade que era possível na hora da prova – com aquele friozinho na barriga, mas sem desespero.

    Como todos sabem, as duas provas, especialmente a segunda, estavam bastante longas para o tempo disponível. Nos minutos finais da P1 eu tremia, mas ainda assim tentei manter a calma e garantir mais algumas questões. Cometi o erro de deixar Contabilidade por último – pelo menos para mim é muito difícil desenvolver um raciocínio lógico / matemático com a pressão do tempo. Ficou de aprendizado para a P2 – não deixei o grupo das exatas para o final e foi uma boa decisão. Saí frustrada por não conseguir fazer toda a prova de Contabilidade, pois estava familiarizada com todas as questões que encontrei, mas não houve tempo de resolvê-las bem. Uma das questões chutei sem nem ler. Ao chegar em casa olhei rapidamente o FC e vi que a dificuldade com tempo havia sido geral, o que me tranquilizou um pouco. Preferi me isolar e não acompanhar o FC ao longo daquela semana para não correr o risco de me desestabilizar para a P2.

    Como muitos, senti que um caminhão havia passado sobre mim ao sair da P2. Mas tive sangue frio de focar em fazer os mínimos. Consegui fazer umas duas questões de matemática financeira, mas as dificuldades com as contas me fizeram pular para RL e Estatística. Depois voltei e tentei fazer mais algumas de matemática financeira, mas quando achei que havia garantido os mínimos pulei para DT e LT. As questões estavam gigantes e eu ficava selecionando as menores e fazendo leitura dinâmica. As últimas questões eram mais curtas, as fiz e depois voltei e continuei a seleção das questões. Acho que chutei umas dez sem praticamente ler.
    Saí realmente arrasada da prova por não ter podido colocar no papel tudo aquilo o que estudei. Ter que fazer seleção de questões e leitura dinâmica não era o que um candidato preparado gostaria de encontrar. Mas não adianta reclamar, a situação foi a mesma para todos e saiu vitorioso quem teve o controle emocional de fazer o que era possível nas condições oferecidas.

    Três dias depois da P2, dia 22 de janeiro, dia do meu aniversário, estava viajando e relutei o dia todo para checar o gabarito. Finalmente tomei coragem e pedi ao meu noivo que checasse por mim e me dissesse o resultado final. Quando ele disse que eu havia feito todos os mínimos e 81 na P1 e 73 na P2 (no resultado final fiquei com 83 e 73, respectivamente) mal pude acreditar e chorei de alegria. Todo o esforço havia valido a pena!

    Trabalho x estudo

    Eu tomei a decisão de pedir exoneração de meu cargo anterior, em agosto de 2012, por acreditar, na época, que a prova do ICMS-RJ estava muito próxima. Trabalhava das 9h às 18h no Centro do Rio e levava mais 2,5 horas diárias de deslocamento. Ainda tinha as tarefas domésticas, como organizar a casa, fazer mercado, etc. Então, estava mesmo muito difícil conciliar com os estudos para uma prova de tão alto nível. Mas não seria impossível, apenas exigiria de mim uma dose maior de sacrifícios e organização.

    Não importa a quantidade de horas que você tem disponível para estudar, use-as da melhor forma possível. Se você tem 3h por dia e estudar com disciplina, poderá ser classificado num tempo x. Se dispuser de 6h diárias, talvez esse tempo se reduza pela metade. Não adianta ficar se lamentando, aceite a sua realidade e faça o que estiver ao seu alcance. Pode demorar um pouquinho mais para o resultado chegar, mas tenha certeza de que será compensador. Agora, posso falar por experiência própria: nos concursos anteriores que prestei e fiquei bem classificada, dispunha de realmente muito pouco tempo para estudar, então aproveitava cada segundo ao máximo – estudava no ônibus, entre uma aula e outra na faculdade, final de semana etc. E posso garantir que cada minuto rendia muito mais do que os minutos que eu tinha quando já não trabalhava mais. A gente se ilude de que tem muito tempo disponível e acaba desperdiçando bastante.

    Nem sempre é possível decidir entre continuar trabalhando ou não. Se você tem esse poder, pense bastante antes de agir. Você precisa se conhecer, analisar como você funciona sob pressão, pois se o tempo é maior para quem pode ficar em casa o dia todo, a angústia e a ansiedade também são muito maiores.
    Last edited by jumigowski; Sun, 11/05/14, 09:23 PM.
  • jumigowski
    • 24/05/11
    • 86

    #2
    Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

    Cursos presenciais x pdfs x vídeo-aulas x livros

    A maior parte do meu estudo foi focada nos PDFs. Sou muito fã! Oferecem conteúdo de qualidade, com objetividade, focado nos certames. Quando iniciei meus estudos na área fiscal, sem ter muita orientação, acabei me baseando em depoimentos antigos de uma galera que havia estudado somente por livros. Então estudei por alguns. Mas não acho que sejam a melhor opção hoje.

    Aulas presenciais devem ser evitadas ao máximo. Perde-se tempo com deslocamento, o ritmo costuma ser mais lento, fora aquelas figuras perdidas que vivem interrompendo a aula com comentários totalmente descabidos! Fiz algumas poucas no início – achei que nas matérias mais “numéricas” seria melhor ter um professor mostrando como faz. Em alguns casos foi positivo – como Godinho, de matemática financeira, no Gabarito – em outros nem tanto. Na reta final fiz outras turmas presenciais para complementar o que não estava bom somente pelos PDFs. Fiz Informática com Manuel Martins, Raciocínio Lógico com Godinho, turmas de exercício de Legislação Tributária com Borba e Pedro Diniz, tudo no Gabarito. Também fazia os simulados desse curso, a cada quinze dias, que foram muito importantes para me dar um super gás nos meses que antecederam a prova. Por fim, participei também de alguns aulões que estavam sendo organizados pelo professor Dicler. Ele trazia professores tops de diversas matérias, como o Heber de Economia e o Silvio Sande de Contabilidade, para cursos aos finais de semana. Achei o formato ótimo, pois esses professores davam uma boa resumida na matéria, organizavam as ideias, tudo com muita objetividade.

    Detesto assistir a vídeo-aulas, mas isso é muito pessoal. Acho que é uma alternativa às aulas presenciais nas matérias em que se tem mais dificuldade. Fiz, por exemplo, vídeo-aula de Estatística com o Carlos Henrique – maravilhoso! Fiz também legislação tributária com o Borba no EVP.

    Material / Professores

    Aqui vou citar os materiais que usei e gostei. É importante estar atento, acompanhar as novidades e fazer sempre uma análise do que está ou não funcionando pra você. Há muitas alternativas no mercado.

    Matemática Financeira / RL / Estatística
    Evitem professores que ensinem Matemática Financeira com muita fórmula. Nessa matéria, fiquei apenas com a aula do Godinho que fiz lá no início da minha jornada na área fiscal e, embora polêmico, eu simplesmente adoro o jeito dele explicar. Revisei o material dele algumas vezes e fiz muitos exercícios recentes da banca usando os métodos que ele havia ensinado. Nem olhava a resolução de outros professores para não me confundir. Em Estatística só estudei com o Carlos Henrique e também sou grande fã dele. Depois da vídeo aula fiz apenas uma turma de exercícios com ele no Gabarito focada na FCC. Raciocínio Lógico fiz com o Godinho, mas poderia ter sido com o Carlos Henrique, ambos são excelentes. Não conheço outros professores nas exatas, eles foram excelentes para mim.

    Contabilidade Geral e Avançada / Custos / Auditoria
    O primeiro contato com Contabilidade foi realmente assustador! Rs Como dizem, “no início tudo parecerá difícil, mas no início tudo é difícil”. Com persistência fui entendendo a lógica e até peguei o gosto! Comecei fazendo curso no Gabarito de Contabilidade Básica e Intermediária com Libânio Madeira e Imabassahy. Paralelamente estudei e depois reestudei os dois livros do Ricardo Ferreira. Na reta final estudei e revisei o material do Gabriel Rabelo no Estratégia e fiz um aulão presencial de exercícios com o professor Silvio Sande organizado pelo Dicler. Resumo da ópera: hoje vejo que o ideal é sempre tentar partir direto para material em PDF, mas no caso de Contabilidade muitos têm dificuldade de entender começando por material escrito. Nesse caso recomendo iniciar o estudo com o Silvio Sande (ele é maravilhoso!) e depois partir para os PDFs.

    Custos é uma matéria curta e simples. O custo-benefício de estudá-la é imenso, pois costumam cair muitas questões. Estudei inicialmente pelo livro do Ricardo Ferreira e na reta final com o material do Gabriel Rabelo do Estratégia (só ele seria suficiente) para fazer exercícios recentes da banca.

    Auditoria fiz vídeo aula com Imbassahy, mas não acho que seja a melhor opção. Fiz curso do Rodrigo Fontenelle no Estratégia e gostei bastante.

    Administração
    Fiz com o professor Rodrigo Rennó do Estratégia e muitos exercícios da FCC no Tec Concursos.

    Informática
    Estudei os materiais do Estratégia – Victor Dalton, Alexandre Lenin, Junior Martins, mas achei incompletos e acabei recorrendo à aula do Manuel Martins no Gabarito. Havia os inconvenientes de ser uma aula presencial, mas valeu a pena, ele ofereceu muito mais subsídios.

    Civil
    Gostei muito do material do Jacson Panichi e da Aline Santiago do Estratégia.

    Penal
    Como caíam poucas questões, não achei que valeria estudar muito. Fiz um aulão com o Dicler e estudei basicamente pela apostila que ele ofereceu.

    Constitucional
    Estudei essa matéria em diversos momentos, porque caía nos concursos de nível médio. Estudei na faculdade e em livros, mas o ideal mesmo é partir direto pros PDFs. Gostei do material da Nádia Carolina do Estratégia, mas era excessivamente extenso, considerando-se ainda o peso da matéria não ser tão grande nessa prova.

    Administrativo
    Mesma situação, já havia estudado essa matéria em diversos momentos. O material do Cyonil (Estratégia) é maravilhoso, mas também muito grande. Essas matérias devem ser estudadas com antecedência, até porque caem em todos os concursos.
    Last edited by jumigowski; Sun, 11/05/14, 09:24 PM.

    Comentário

    • jumigowski
      • 24/05/11
      • 86

      #3
      Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

      Empresarial
      Estudei pelo livro do André Luiz Santa Cruz Ramos e depois com o professor Gabriel Rabelo (Estratégia), excelente! Daria para partir direto pro PDF. Fiz muitos exercícios da FCC no TecConcursos.

      Tributário
      Estudei inicialmente pelo livro do Ricardo Alexandre (muito bom) e, depois, pelos exercícios comentados do George Firmino no Estratégia. Fiz muitos exercícios da FCC no TecConcursos.

      Legislação Tributária
      Comecei estudando o livro todinho do Pedro Diniz, não fazia ideia de que tinha um montão de coisas que nem precisava estudar! Rs. Depois fiz aula com o Borba no EVP, ele é ótimo, muito didático, o material é perfeito. Fiz turma de exercícios com os dois, acho que se complementam. Sugiro começar pelo Borba, ele orienta bem seu estudo.

      Economia
      Heber Carvalho (Estratégia Concursos).

      Finanças
      Sérgio Mendes, Estratégia, excelente.

      Português
      Nunca gostei muito de estudar português – algo meio contraditório para quem escolheu trabalhar com as palavras como instrumento. É que não curto decorar as regrinhas, sempre busco a lógica por trás, quando há =). Porém, nunca tive muita dificuldade. Basicamente meu preparo foi fazer algumas provas antigas da FCC, simulados, etc.

      Inglês
      Taí uma grande dificuldade. Não dá para aprender inglês estudando os pdfs, eles são apenas uma ferramenta útil para quem já tem boa base. Estudei inglês em diversos momentos da vida, mas nunca pude concluir um curso, não tenho fluência. Fiz algumas aulinhas com o professor Roberto Witte no EVP, que é ótimo, mas minha pouca paciência pra vídeo-aulas me fez recorrer aos PDFs da Ena Smith no Estratégia - muito bons tb. Acabei não tendo um bom desempenho nessa matéria, fiz 60%. Havia perdido muito tempo com Português, que gabaritei, e li bem às pressas os textos da prova de inglês. Para quem tem um nível bem baixo em inglês e quer muito o ICMS-RJ vejo como única alternativa recorrer a aulas particulares.

      Espero contribuir, de alguma forma, na preparação de vocês para os desafios da vida concurseira! Reforço que estou à disposição para ajudá-los no que for possível. Fiquem à vontade para entrar em contato por aqui ou pelo Facebook (juliana.migowski).

      Abraços!
      Last edited by jumigowski; Thu, 08/05/14, 02:15 PM.

      Comentário

      • PapironaRF
        • 24/10/11
        • 155

        #4
        Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

        D novo Parabéns ju , n só pelo sucesso, mas tb por ser uma pessoa tão capacitada e séria . Tenho certeza q vc ajudará mtos concurseiros c esse depoimento .
        Beijos

        Comentário

        • Alexandre Lopes
          • 28/03/10
          • 104

          #5
          Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

          Parabéns!!!!

          Desejo muito sucesso!

          Comentário

          • jumigowski
            • 24/05/11
            • 86

            #6
            Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

            Originally posted by Parafina
            Que presente bacana, pra mim , ler seu depoimento dois dias antes da prova da receita.

            Estou esgotada, cansada, estudei tudo o que podia durante 2 anos e fico com aquela sensação de que não sei se dá.

            Não fiz icms rj porque estava focada na receita, mas fiz a prova em casa e foi osso duro de roer. Parabéns pela sua conquista e sucesso no seu trabalho.

            Como você conseguiu revisar nos últimos dias antes da prova?

            Abraços,
            Oi, Parafina!

            Nos últimos dias antes da prova tentei dar uma olhada geral em todas as matérias. Mais do que revisar perfeitamente uma ou outra, achei que seria melhor priorizar revisar todas pela questão dos mínimos em cada grupo de disciplinas. Nos casos em que eu havia feito resumos, reli apenas eles. Em outros, aproveitei quando os próprios professores ofereciam resumos e lia o material deles. Nas disciplinas de exatas refiz algumas questões que havia selecionado pelo Tec Concursos para revisar por observar que caíam com frequência.

            Essa é a hora de rever fórmulas, esquemas e dar uma olhadinha naqueles pontos em que vc se sente insegura. A gente deve tentar ir pra prova sem medo de nada! Mas acho que não é hora de tentar aprender algo que você ainda não aprendeu para não te causar pânico. É hora de se preservar também, de cuidar do emocional.

            Espero ter ajudado! Fique firme. Abs!

            Comentário

            • jumigowski
              • 24/05/11
              • 86

              #7
              Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

              Originally posted by PapironaRF View Post
              D novo Parabéns ju , n só pelo sucesso, mas tb por ser uma pessoa tão capacitada e séria . Tenho certeza q vc ajudará mtos concurseiros c esse depoimento .
              Beijos
              Obrigada, Bia! Parabéns pra vc tb pela conquista! Fico muito feliz de tê-la como parceira na SEFAZ!

              Comentário

              • auditor_fiscal
                • 22/04/14
                • 8

                #8
                Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                Parabéns pela aprovação !! Muito sucesso nessa nova etapa em sua vida !! Já add no face (Gestor CMP).

                A gente vai conversando, pois ainda estou no momento de descoberta a respeito da área fiscal.

                Fique com Deus !!

                Comentário

                • CariokaGirl
                  • 21/01/14
                  • 7

                  #9
                  Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                  Poxa, que lindo! Que motivador! Parabéns!
                  Muito obrigada pelo depo!
                  Muito sucesso!

                  Comentário

                  • manoel27
                    • 21/09/12
                    • 31

                    #10
                    Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                    Parabéns pela aprovação! Que o senhor te abençoe ainda mais.

                    Comentário

                    • Coricoles
                      • 06/04/14
                      • 99

                      #11
                      Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                      Pronto Juliana já pode se casar comigo agora.. Kkkkkk brincadeira uma nerd com um louco nunca iria dar certo. Bom relato e deve ser uma honra ser a primeira colocada.

                      Comentário

                      • ramonlc
                        • 08/04/12
                        • 44

                        #12
                        Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                        Parabéns.

                        Comentário

                        • jumigowski
                          • 24/05/11
                          • 86

                          #13
                          Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                          Originally posted by Alexandre Lopes View Post
                          Parabéns!!!!

                          Desejo muito sucesso!
                          Muito obrigada!

                          Comentário

                          • jumigowski
                            • 24/05/11
                            • 86

                            #14
                            Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                            Originally posted by auditor_fiscal View Post
                            Parabéns pela aprovação !! Muito sucesso nessa nova etapa em sua vida !! Já add no face (Gestor CMP).

                            A gente vai conversando, pois ainda estou no momento de descoberta a respeito da área fiscal.

                            Fique com Deus !!
                            Muito obrigada! Espero poder ajudá-lo no que for possível!

                            Comentário

                            • jumigowski
                              • 24/05/11
                              • 86

                              #15
                              Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                              Originally posted by **ka**
                              Parabéns Ju, certeza que a conquista é merecida e, como vc mesma disse, o cargo não e um fim por si mesmo por isso desejo que o desdobramento da sua história seja ainda mais abençoado!!!

                              Me identifiquei em vários pontos principalmente estudar sem método e ter a sensação de estar sempre começando... Nunca fiz planilha, controle de horas, nem ciclos de matérias.

                              Depois da RFB vou repensar seriamente meu estudo!

                              Sucesso, saúde e muita felicidade!
                              Oi, Ka!

                              Não tem jeito. Tem que haver um mínimo de planejamento e organização para evitar todo esse desgaste de estudar mil vezes a mesma coisa.

                              Boa sorte na RFB! Depois vc dedica um tempinho pra rever sua estratégia.

                              Tudo de melhor pra vc tb!

                              Bjs

                              Comentário

                              • jumigowski
                                • 24/05/11
                                • 86

                                #16
                                Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                Originally posted by CariokaGirl View Post
                                Poxa, que lindo! Que motivador! Parabéns!
                                Muito obrigada pelo depo!
                                Muito sucesso!
                                Obrigada! Sucesso pra vc tb!

                                Comentário

                                • jumigowski
                                  • 24/05/11
                                  • 86

                                  #17
                                  Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                  Originally posted by manoel27 View Post
                                  Parabéns pela aprovação! Que o senhor te abençoe ainda mais.
                                  Obrigada! Abs

                                  Comentário

                                  • Kel_PE
                                    • 02/02/14
                                    • 22

                                    #18
                                    Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                    Parabéns, sucesso!

                                    Comentário

                                    • Paulista57
                                      • 04/05/14
                                      • 15

                                      #19
                                      Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                      vou recomeçar o estudo motivado pelo seu depoimento.

                                      Comentário

                                      • Lolaelis
                                        • 12/05/11
                                        • 18

                                        #20
                                        Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                        Juliana, adorei seu depoimento!!!!

                                        Suas opiniões sobre os materiais e os professores serão consideradas.

                                        Parabéns pela vitória, um forte abraço.

                                        Elisângela.

                                        Comentário

                                        • jumigowski
                                          • 24/05/11
                                          • 86

                                          #21
                                          Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                          Originally posted by ramonlc View Post
                                          Parabéns.
                                          Obrigada!

                                          Comentário

                                          • jumigowski
                                            • 24/05/11
                                            • 86

                                            #22
                                            Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                            Originally posted by Kel_PE View Post
                                            Parabéns, sucesso!
                                            Obrigada! Pra vc tb!

                                            Comentário

                                            • jumigowski
                                              • 24/05/11
                                              • 86

                                              #23
                                              Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                              Originally posted by Paulista57 View Post
                                              vou recomeçar o estudo motivado pelo seu depoimento.
                                              Nossa, que alegria! Força e coragem na sua empreitada!

                                              Comentário

                                              • Esparta
                                                • 25/02/14
                                                • 29

                                                #24
                                                Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                                Parabéns, Ju! Passar nesse concurso de 2014 do rio foi pra poucos, em primeiro ainda... com certeza foi merecido e não por sorte.

                                                Eu já percebi, até por experiência própria, que o emocional faz toda a diferença. Além dos simulados, você teve momentos em que desanimou dos estudos? Se sim, como agiu para voltar?

                                                E sobre memorização, usou algo específico?

                                                Comentário

                                                • FelipeENeto
                                                  • 19/02/11
                                                  • 416

                                                  #25
                                                  Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                                  Bastante inspirador o seu depoimento, Juliana!

                                                  Sobre o seu projeto (cursos para concursos), como será? Aulas em vídeo ou PDF? Poderia dar mais detalhes?? rs Abraço e parabéns!!

                                                  Comentário

                                                  • silva'
                                                    • 20/02/14
                                                    • 7

                                                    #26
                                                    Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                                    Originally posted by jumigowski View Post
                                                    Cursos presenciais x pdfs x vídeo-aulas x livros


                                                    Administração
                                                    Fiz com o professor Rodrigo Rennó do Estratégia e muitos exercícios da FCC no Tec Concursos.
                                                    Parabéns pela merecida aprovação

                                                    Uma pergunta: O material do Rennó que você utilizou foi em pdf específico para o ICMS RJ ou o livro que ele lançou?

                                                    Comentário

                                                    • jumigowski
                                                      • 24/05/11
                                                      • 86

                                                      #27
                                                      Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                                      Originally posted by Lolaelis View Post
                                                      Juliana, adorei seu depoimento!!!!

                                                      Suas opiniões sobre os materiais e os professores serão consideradas.

                                                      Parabéns pela vitória, um forte abraço.

                                                      Elisângela.
                                                      Obrigada! Abs

                                                      Comentário

                                                      • jumigowski
                                                        • 24/05/11
                                                        • 86

                                                        #28
                                                        Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                                        Originally posted by Esparta View Post
                                                        Parabéns, Ju! Passar nesse concurso de 2014 do rio foi pra poucos, em primeiro ainda... com certeza foi merecido e não por sorte.

                                                        Eu já percebi, até por experiência própria, que o emocional faz toda a diferença. Além dos simulados, você teve momentos em que desanimou dos estudos? Se sim, como agiu para voltar?

                                                        E sobre memorização, usou algo específico?
                                                        Olha, eu acho que a sorte bate na porta de quem está preparado. Alguma sorte eu tive, sim! Talvez, muita.

                                                        Em muitos momentos me senti cansada, estressada, mas nunca pensei em desistir. Não via outro caminho melhor ou equivalente, então coloquei na cabeça que não iria parar até chegar lá! Um dia ou outro não rendia, mas a cada amanhecer renovava as forças em busca da meta. Nada como uma boa noite de sono!

                                                        Olha, eu busco sempre uma lógica por trás das coisas, faço relações mentais, busco algum sentido que me ajude a lembrar dos assuntos estudados. Em certas situações não tem jeito e aí as esquematizações ajudam. Quanto mais mapas mentais e esquemas visuais os materiais oferecerem, mas fácil fica a memorização. Houve um época, no auge do desespero, que coloquei panos de cor laranja nas paredes do escritório com vários papéis com esqueminhas de Direito, fórmulas de Estatística e tudo mais. Sempre parava pra rever tudo aquilo.

                                                        Você deve buscar o que melhor funciona pra vc. Eu sou muito visual, mas outros memorizam melhor se ouvirem. Nesse caso vale andar com fonezinho por aí!

                                                        Comentário

                                                        • jumigowski
                                                          • 24/05/11
                                                          • 86

                                                          #29
                                                          Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                                          Originally posted by FelipeENeto View Post
                                                          Bastante inspirador o seu depoimento, Juliana!

                                                          Sobre o seu projeto (cursos para concursos), como será? Aulas em vídeo ou PDF? Poderia dar mais detalhes?? rs Abraço e parabéns!!
                                                          Fico feliz, Felipe!

                                                          Sobre o curso, não sei se pode falar muito sobre isso aqui no FC, então curte a página no Facebook para saber mais (/exponencialconcursos) e/ou me adiciona (/juliana.migowski).

                                                          Abs!

                                                          Comentário

                                                          • RafaelCampos
                                                            • 20/08/09
                                                            • 61

                                                            #30
                                                            Re: 1ª colocada ICMS-RJ 2014 - Jornalista

                                                            Parabéns pela aprovação!!! =)
                                                            Me tira uma dúvida!?
                                                            Qual era o seu método de revisão? Revisava a teoria ou a base de exercícios?

                                                            Comentário


                                                            Working...
                                                            X